Após pedido de recuperação judicial, B3 exclui GOL de seus índices

Na semana passada, a companhia atribuiu a medida ao fortalecimento de sua posição financeira

29 de janeiro de 2024 às 20h31

img
Crédito: Marcelo Camargo/Agência Brasil

B3, bolsa do Brasil, vai excluir as ações da Gol Linhas Aéreas Inteligentes S.A, negociadas sob o ticker GOLL4, de todos os seus índices amanhã (30), após o encerramento do pregão regular. A decisão ocorre após o pedido de recuperação judicial junto ao Tribunal de Falência dos Estados Unidos, na semana passada.

Conforme comunicado bolsa, a medida segue os termos de seu Manual de Definições e Procedimentos dos Índices da B3.

Além do GOLL4, a Gol terá seus títulos excluídos dos seguintes índices:

  • IBOV
  • IBRA
  • IBXX
  • ICO2
  • IDVR
  • IGCT
  • IGCX
  • ITAG
  • IVBX
  • SMLL

Com isso, conforme a B3, a participação da companhia será redistribuída proporcionalmente aos demais integrantes da carteira com o pertinente ajuste nos redutores. Já a GOLL4 seguirá sendo negociada normalmente, mas passará a ser listada na B3 sob o título de “Outras Condições”.

Recuperação Judicial da Gol

Na semana passada, a companhia atribuiu o pedido de recuperação judicial ao fortalecimento de sua posição financeira. A empresa acrescentou, na ocasião, que todos os voos estão operando conforme programado e todas as passagens e reservas permanecem em vigor.

A empresa também informou que inicia o processo legal nos EUA, conhecido como “Chapter 11”, com um compromisso de financiamento de US$ 950 milhões, na modalidade “debtor in possession” (DIP) por membros do Grupo Ad Hoc de bondholders da Abra – holding que reúne as operações da Gol com a colombiana Avianca – e outros bondholders da Abra.

Leia mais:

Facebook LinkedIn Twitter YouTube Instagram Telegram

Siga-nos nas redes sociais

Comentários

    Receba novidades no seu e-mail

    Ao preencher e enviar o formulário, você concorda com a nossa Política de Privacidade e Termos de Uso.

    Facebook LinkedIn Twitter YouTube Instagram Telegram

    Siga-nos nas redes sociais

    Fique por dentro!
    Cadastre-se e receba os nossos principais conteúdos por e-mail