Expominas sediará Feira Nacional de Artesanato

6 de julho de 2021 às 0h15

img
Crédito: Erwin Oliveira / 5D Mark3 / Agencia Kah

Depois de um longo período de espera e negociações, o setor de eventos finalmente recebeu um sinal verde para voltar à ativa em Belo Horizonte. O anúncio foi feito na última quinta-feira, pelos secretários municiais de Saúde, Jackson Machado, de Planejamento, Orçamento e Gestão, André Reis, de Política Urbana, e o presidente da Empresa Municipal de Turismo (Belotur), Gilberto Castro. Eventos com até 600 pessoas estão liberados, desde que sigam protocolos especificados pela Prefeitura de Belo Horizonte (PBH). Já os eventos corporativos, feiras e congressos, como a Feira Nacional de Artesanato (FNA), podem voltar a funcionar a partir de agosto.

Confirmada para acontecer entre os dias 7 e 12 de dezembro no Expominas, a 32ª Feira Nacional de Artesanato se prepara para receber artesãos de todo o País e demonstrar, mais uma vez, a possibilidade de realização de grandes eventos com segurança e organização, como a edição de 2020, que ocorreu em plena pandemia, e não registrou nenhum caso da doença.

“Seguimos todos os protocolos sanitários indicados pela OMS e reduzimos o número de participantes do evento, tanto expositores, quanto visitantes, para haver um controle de fluxo, além de contar com a colaboração de todos os envolvidos e o resultado foi uma feira sem aglomeração, com funcionamento perfeito e alento para os artesãos que puderam fazer bons negócios depois de um longo período parados”, comemora Tânia Machado, realizadora da FNA.

“A expectativa é de que para este ano possamos ir além, com uma feira ainda mais estruturada para receber o público com total segurança, muitos deles já vacinados, voltando a movimentar o mercado do artesanato brasileiro. A liberação dos eventos na cidade nos deixa animados para seguir em frente e dar confiança aos expositores que já reservaram seus espaços no Expominas”, planeja.

Vale ressaltar que a 32ª edição do evento já está com mais de 70% dos estandes vendidos e em fase final da negociação dos seus espaços. Além da feira presencial, desde a última edição, o público pode visitar, durante todo o ano, a Feira Virtual, ambiente digital com a presença de todos os expositores, onde é possível realizar negócios diretamente com os artesãos.

Facebook LinkedIn Twitter YouTube Instagram Telegram

Siga-nos nas redes sociais

Comentários

    Receba novidades no seu e-mail

    Ao preencher e enviar o formulário, você concorda com a nossa Política de Privacidade e Termos de Uso.

    Facebook LinkedIn Twitter YouTube Instagram Telegram

    Siga-nos nas redes sociais

    Fique por dentro!
    Cadastre-se e receba os nossos principais conteúdos por e-mail