Confiança do empresário mineiro alcança novo patamar em janeiro

Indicador mostra que os empresários mantiveram o otimismo pelo 12º mês consecutivo

22 de janeiro de 2024 às 13h06

img
Indústria confiança | Crédito: Adobe Stock/Thira Watana

A confiança dos industriais mineiros aumentou para 52,6 pontos em janeiro, mantendo-se acima dos 50 pontos pelo 12º mês consecutivo, segundo o Índice de Confiança do Empresário Industrial (Icei), divulgado pela Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (Fiemg).

Este aumento de 1,3 ponto em relação a dezembro, quando obteve 51,3 pontos, evidencia não apenas uma melhora na confiança, mas também uma expectativa mais otimista para o semestre seguinte.

Em comparação com janeiro de 2023, quando a incerteza era predominante devido à política econômica, o indicador cresceu 2,6 pontos. No entanto, permaneceu 1,8 ponto abaixo da média histórica para o mês, registrando 54,4 pontos.

No que se refere ao componente de expectativas, segundo o levantamento, houve uma elevação de 1,8 ponto entre dezembro e janeiro. Essa alta resultou no alcance de 55,3 pontos, demonstrando um aumento do otimismo dos empresários mineiros para os próximos seis meses, em comparação com janeiro de 2023, quando o indicador ficou em 50,6 pontos, um crescimento de 4,7 pontos.

Veja mais destaques da pesquisa realizada pela Fiemg:

  • Dentro de um comparativo, o Icei nacional, por sua vez, avançou 2,2 pontos em relação a dezembro, atingindo 53,2 pontos em janeiro;
  • O aumento, segundo a entidade, reflete uma maior confiança dos empresários pelo País;
  • Para o cálculo é levado em consideração o resultado da ponderação dos índices de condições atuais e expectativas, variando de 0 a 100 pontos, onde valores acima de 50 indicam uma percepção de situação atual mais favorável.

Perspectiva de piora no cenário nacional

Enquanto o componente de condições atuais revela um leve aumento de 0,2 ponto em relação a dezembro, marcando 47,1 pontos em janeiro, o índice mostra também uma percepção de piora nas condições atuais do País, Estado e das empresas pelo 14º mês consecutivo, comparado a janeiro de 2023.

Facebook LinkedIn Twitter YouTube Instagram Telegram

Siga-nos nas redes sociais

Comentários

    Receba novidades no seu e-mail

    Ao preencher e enviar o formulário, você concorda com a nossa Política de Privacidade e Termos de Uso.

    Facebook LinkedIn Twitter YouTube Instagram Telegram

    Siga-nos nas redes sociais

    Fique por dentro!
    Cadastre-se e receba os nossos principais conteúdos por e-mail