Natal de Ouro Preto gera impacto econômico de R$ 8,8 milhões

O evento contribuiu para a atração de turistas para a cidade histórica de Minas Gerais

25 de janeiro de 2024 às 20h22

img
Natal de Ouro Preto atraiu mais de 40 mil pessoas | Crédito: Ane Souz

O Natal de Ouro Preto gerou um impacto de R$ 8,8 milhões na economia do município da região Central de Minas Gerais. O evento atraiu mais de 40 mil pessoas durante os 30 dias de realização, o que ajudou a consolidar a cidade histórica como um dos principais destinos turísticos do Estado para as festas de final de ano.

O secretário de Desenvolvimento Econômico de Ouro Preto, Felipe Guerra, explica que essa injeção de recursos durante as festividades tem seu alcance multiplicado para oportunidades futuras. “As imagens geradas pelo evento correram o mundo, o que mostra a beleza e o potencial de Ouro Preto para uma visita. Quem não veio desta vez, com certeza vai se programar para vir no futuro”, aposta.

Para ele, a diversidade de atrativos e a participação expressiva de público cumpriram o propósito cultural e de promoção do turismo, culminando com o estímulo à economia da região.

Antunes destaca que o evento foi criado com a proposta de atrair turistas para o município durante o mês de dezembro e também de gerar oportunidade de lazer para a população de Ouro Preto.

“Antes, a cidade recebia poucos visitantes nesse período. Com a programação especial, alcançamos os corações da nossa comunidade e também dos turistas que vieram para as ruas para conferir de perto a emoção e a alegria do Natal, o que rendeu ganhos para hotéis, restaurantes e bares, comerciantes e artesãos, entre outros”, disse.

O coordenador geral do Natal de Ouro Preto, Gilson Fernandes Antunes Martins, lembra que a edição de 2022 do evento contribuiu para que o trade turístico da cidade – que inclui hotéis, pousadas, restaurantes e comércio – movimentasse mais de R$ 10 milhões. “Tradicionalmente, nossa cidade tinha uma baixa atração turística nessa temporada, o que está mudando com a criação do evento”, relata.

Moradores de Ouro Preto são maioria entre os visitantes | Crédito: Ane Souz

De acordo com pesquisa realizada pela Holofote Cultural, empresa promotora do Natal de Ouro Preto – Luz e História, a média de gastos dos turistas na cidade durante a programação foi de R$ 294,75 por dia. Entre os ouro-pretanos o consumo médio foi de R$ 125,43 por dia.

Veja o perfil de quem foi ao evento:

  • 51,1% – moradores da cidade
  • 11,3% – Belo Horizonte
  • 5% – Mariana
  • 2,1% – estrangeiros

Carnaval 2024

Passado a realização do Natal de Ouro Preto, agora a cidade já está se preparando para um dos carnavais mais tradicionais de Minas Gerais.

O município pretende apresentar cerca de 50 blocos, como o tradicional Zé Pereira dos Lacaios, uma das agremiações carnavalescas mais antigas do Brasil, fundada em 1867. A cidade ainda contará com desfiles de escolas de samba, shows e a festa de nomeação da cidade.

Facebook LinkedIn Twitter YouTube Instagram Telegram

Siga-nos nas redes sociais

Comentários

    Receba novidades no seu e-mail

    Ao preencher e enviar o formulário, você concorda com a nossa Política de Privacidade e Termos de Uso.

    Facebook LinkedIn Twitter YouTube Instagram Telegram

    Siga-nos nas redes sociais

    Fique por dentro!
    Cadastre-se e receba os nossos principais conteúdos por e-mail