AngloGold se reúne com poder público de Santa Bárbara

Companhia também se reuniu com associação de empresários da região

2 de setembro de 2023 às 0h37

img
Reunião entre vereadores de Santa Bárbara e representantes da AngloGold Ashanti foi realizado na última terça-feira (29) | Crédito: CMSB

Representantes da mineradora AngloGold Ashanti se reuniram com o poder público de Santa Bárbara para prestar esclarecimentos sobre a suspensão da produção do complexo minerário Córrego do Sítio (CDS). A paralisação das atividades da empresa no empreendimento, situado no município da região Central do Estado, resultou na demissão de cerca de 650 colaboradores

Conforme informações da Câmara Municipal de Santa Bárbara, na tarde de terça-feira (29), os vereadores santa-barbarenses receberam enviados da companhia para que pudessem compreender melhor o cenário de interrupção das operações na cidade. Os membros do corpo legislativo também pretendiam, com a reunião, avaliar as possíveis ações do Parlamento diante da situação.

Para os parlamentares, a mineradora reiterou que mantinha resultados operacionais negativos no local, sendo que, em 2022, o déficit foi de aproximadamente US$ 90 milhões, projeção que se mantinha para este ano. Os representantes ainda salientaram que, nos dois últimos exercícios, a empresa já vinha buscando soluções viáveis para operacionalizar a mina, cogitando, além da suspensão das atividades, uma possibilidade de venda do complexo de mineração.

A empresa também foi questionada pelos vereadores sobre a postura com relação aos empregos e esclareceram que, dentro do possível, estão transferindo os funcionários diretos para outras unidades no Brasil. Além de Santa Bárbara, a companhia tem operações em Sabará, Caeté e Nova Lima, na Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH), e na cidade de Crixás, em Goiás.

Já no que diz respeito aos empregados terceirizados que ficaram sem trabalho, a AngloGold informou que eles estão buscando vagas junto ao Sistema Municipal de Empregos (Sime) e com empresas que atuam na região e podem absorver o tipo de serviço prestado. 

Diálogo com a associação empresarial e comercial

Na última quinta-feira (31), foi a vez da Associação Comercial e Empresarial de Santa Bárbara/Câmara de Dirigentes Lojistas de Santa Bárbara (Acisb/CDL) se reunir com representantes da AngloGold para tratar sobre a paralisação das atividades. 

De acordo com a entidade, os principais temas tratados com a companhia foram: a duração estimada da suspensão, os impactos locais e as medidas para mitigá-los, além dos canais de comunicação que podem ser utilizados para atualizações sobre o andamento da situação.

Na reunião, segundo a Acisb/CDL, a gerente de Relacionamento com Comunidades da mineradora, Carla Lemos, e o analista de Relacionamento com Comunidades, Thiago Horta, apresentaram as ações que vêm sendo realizadas, especialmente relativas às demissões. 

Os representantes da empresa também citaram a perspectiva da AngloGold sobre uma possível venda do ativo e de uma retomada das atividades, caso os custos considerados gargalos pela companhia consigam ser reduzidos em um prazo que tenha viabilidade à volta das operações.

AngloGold se reuniu ainda com a Prefeitura e com empresas do setor na região

Procurada, a AngloGold confirmou as reuniões e ressaltou que vem mantendo diálogo constante com o poder público em Santa Bárbara. A empresa disse que realizou reuniões com a Câmara e também com a Prefeitura, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e do Sime.

Em nota, a mineradora ainda disse que tem realizado contatos não só com a Acisb/CDL, mas também com empresas do setor de mineração que atuam na região. Conforme a companhia, os encontros de diálogo e transparência são realizados de forma sistemática e se mantêm mesmo com a suspensão temporária da operação do complexo no município. 

“Vale ressaltar que cerca de 400 empregados foram mantidos pela empresa nas atividades que continuam em Córrego do Sítio ou foram remanejados para outras unidades. Além disso, a AngloGold Ashanti ressalta que mantêm seu compromisso com as obrigações de qualquer natureza, sejam legais, ambientais ou regulatórias”, ressaltou no texto enviado à reportagem.

Tags:
Facebook LinkedIn Twitter YouTube Instagram Telegram

Siga-nos nas redes sociais

Comentários

    Receba novidades no seu e-mail

    Ao preencher e enviar o formulário, você concorda com a nossa Política de Privacidade e Termos de Uso.

    Facebook LinkedIn Twitter YouTube Instagram Telegram

    Siga-nos nas redes sociais

    Fique por dentro!
    Cadastre-se e receba os nossos principais conteúdos por e-mail