Ibovespa fecha em queda com tombo de Bradesco

Após frustração com balanço e projeções do Bradesco, o Ibovespa caiu 0,36%, a 129.949,9 pontos

7 de fevereiro de 2024 às 19h28

img
Crédito: Amanda Perobelli / Reuters

São Paulo – O Ibovespa fechou em queda nesta quarta-feira, pressionado pelo tombo de Bradesco, que perdeu mais de R$ 23 bilhões em valor de mercado após balanço trimestral e previsões para 2024 desapontarem.

Índice de referência do mercado acionário brasileiro, o Ibovespa caiu 0,36%, a 129.949,9 pontos. Na máxima do dia, chegou a 130.551,96 pontos. Na mínima, a 129.426,4 pontos. O volume financeiro somou R$ 27,95 bilhões.

Na visão do chefe da EQI Research, Luís Moran, a queda do Ibovespa refletiu fundamentalmente o declínio das ações do Bradesco, após um resultado “bem ruim” e a perspectiva de que o banco ainda não mostrará resultado “muito animadores” por algum tempo, talvez apenas depois de 2024.

“Foi uma reação bastante forte”, afirmou, ponderando que, se o movimento dos papéis do Bradesco fosse excluído do cálculo, o Ibovespa estaria subindo “com folga”, uma vez que o mercado de títulos nos Estados Unidos, que tem direcionado a bolsa brasileira, deu uma acalmada.

Nos EUA, o Treasury de 10 anos marcava 4,1172%, de 4,092% na véspera, após leilão realizado pelo Tesouro para vender esses títulos. Na segunda-feira, esse percentual estava em 4,1640%.

Moran ressaltou, contudo, que o mercado acionário brasileiro deve continuar mostrando volatilidade, uma vez que o Federal Reserve afastou a chance de um corte de juros em março, enquanto deixou os próximos movimentos dependentes de mais dados, mantendo a incógnita sobre o começo da redução dos juros.

“A cada novo dado que sair, o mercado vai encontrar pelo em ovo, para um lado ou para o outro. E daí, ele vai ficar super animado ou não, vai ficar super desanimado”, disse Moran.

Com a pressão de Bradesco, o Ibovespa descolou de Wall Street, onde o S&P 500, uma das referências do mercado acionário norte-americano, fechou em alta de 0,82%. (Paula Arend Laier)

Facebook LinkedIn Twitter YouTube Instagram Telegram

Siga-nos nas redes sociais

Comentários

    Receba novidades no seu e-mail

    Ao preencher e enviar o formulário, você concorda com a nossa Política de Privacidade e Termos de Uso.

    Facebook LinkedIn Twitter YouTube Instagram Telegram

    Siga-nos nas redes sociais

    Fique por dentro!
    Cadastre-se e receba os nossos principais conteúdos por e-mail