COTAÇÃO DE 25/05/2022

DÓLAR COMERCIAL

COMPRA: R$4,8200

VENDA: R$4,8210

DÓLAR TURISMO

COMPRA: R$4,8900

VENDA: R$5,0160

EURO

COMPRA: R$5,1520

VENDA: R$5,1546

OURO NY

U$1.853,68

OURO BM&F (g)

R$287,13 (g)

BOVESPA

-0,98

POUPANÇA

0,6724%

OFERECIMENTO

Conteúdo Patrocinado Economia

CRCMG promove debate sobre sustentabilidade em evento bienal da categoria

COMPARTILHE

Objetivos do Desenvolvimento Sustentável
Crédito: Divulgação/CRCMG

CONTEÚDO PATROCINADO

Em setembro deste ano, o CRCMG realizou o maior evento on-line da classe contábil mineira, a XIII Convenção de Contabilidade de Minas Gerais. O tema de 2021 foi “A contabilidade como fator de crescimento na nova década: tecnologia, comunicação, conexão, ética, mercado e as aplicabilidades contábeis na sustentabilidade e na gestão de pessoas e negócios”. O evento enfatizou como os aspectos ambientais, sociais e de governança impactam hoje não só a lucratividade, mas também a perenidade das empresas.  Esses temas compõem o conceito, em inglês, Environmental, Social and Governance (ESG), que é medido pelo Índice de Sustentabilidade e Impacto Social de uma organização. Tais premissas são encabeçadas pela Organização das Nações Unidas (ONU), que desenvolveu o Pacto Global de melhorias mundiais.

PUBLICIDADE




O ESG está ligado ao cumprimento dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), o apelo internacional com 17 metas da ONU para a construção de um mundo melhor, o que inclui a preservação do planeta, a paz mundial e a proteção dos seres humanos e seus direitos mais essenciais.

Em conformidade ao Pacto Global, o evento proporcionou uma reflexão que encoraja as políticas de responsabilidade social corporativa e de sustentabilidade. Esse é o ensejo para que profissionais da contabilidade de todo o estado compreendam que o ESG deixou de ser uma escolha e é hoje uma obrigação em prol do planeta. O termo “contabilidade sustentável” já vem sendo usado e, em breve, os contadores terão que adicionar, mensurar e analisar o perfil ESG das empresas onde trabalham.

A pergunta é: estamos preparados para essa nova realidade?

De acordo com o professor de Sustainable Finance na Nova School of Business and Economics, Rodrigo Tavares, em sua palestra realizada na XIII Convenção de Contabilidade de Minas Gerais, os critérios ambientais, sociais e de governança são importantes para o universo das finanças porque “todas as empresas que possuem um perfil ESG podem ser lidas, identificadas, determinadas e mensuradas por intermédio de sua performance na sustentabilidade”. Ele completou afirmando que a sustentabilidade não é só fazer o que é certo, mas pode representar a geração de mais riqueza corporativa. Tavares foi enfático ao afirmar que haverá impacto na profissão do contador: “Compreendam e convivam com o termo ‘contabilidade sustentável’, alertou ele.

Segundo o professor, em breve os profissionais terão que se reinventar para incorporar esse tema “por lei ou por pressão”. Logo serão lançados os novos padrões de International Financial Reporting Standards (IFRS) para reportar dados não financeiros, atrelados à responsabilidade ambiental e social: “Preparem-se para esse mundo. Dados sustentáveis serão elevados ao mesmo nível de dados financeiros”, garantiu ele.

PUBLICIDADE




O CRCMG está em constante busca para fazer a sua parte para o cumprimento das ODS que correspondem à sua atuação. Por exemplo, instituiu a Comissão Permanente de Gestão do Plano de Logística Sustentável (CPLS), responsável pela elaboração e implantação do Plano de Logística Sustentável do CRCMG, que consiste numa ferramenta de planejamento com objetivos e responsabilidades definidas, ações, metas, prazos de execução e mecanismos de monitoramento e avaliação, que possibilitam à entidade estabelecer práticas de sustentabilidade e racionalização de gastos e processos na Administração Pública.

Em conformidade com o ODS de educação, o Conselho lançou a sua própria plataforma de ensino, o EAD CRCMG (http://ead.crcmg.org.br), na qual os profissionais da contabilidade registrados podem se atualizar de forma gratuita, on-line e com qualidade. Os cursos pontuam no Programa de Educação Profissional Continuada (PEPC). Na mesma linha, o CRCMG promove diversos cursos e palestras com foco no desenvolvimento profissional, visando o crescimento econômico e a empregabilidade.

O CRCMG integra também o Programa de Voluntariado da Classe Contábil (PVCC), composto por quatro subprogramas: “Rede Nacional de Cidadania Fiscal/Observatórios Sociais”; “Educação financeira”; “Ações locais de voluntariado” e “Incentivo à destinação do IRPF ao Fundo da Criança e Adolescência (FIA) e ao Fundo do Idoso”. As destinações, neste ano de 2021, bateram recorde, com mais de 19 milhões de reais destinados.

Além disso, todas as ações de comunicação do CRCMG atentam para a promoção da igualdade de gênero e inúmeras campanhas são realizadas com foco na saúde física e mental dos profissionais.

Segundo o site do Pacto Global, as empresas brasileiras que adotam práticas consonantes às metas ODS já correspondem a 83%, conforme o Índice de Sustentabilidade Empresarial. O CRCMG parabeniza cada profissional da contabilidade responsável por formar esse número relevante, na certeza de que estratégias e resultados sustentáveis farão do planeta um lugar melhor.

Ao comentar você concorda com os Termos de Uso. Os comentários não representam a opinião do portal Diário do Comércio. A responsabilidade sob qualquer informação divulgada é do autor da mensagem.

COMPARTILHE

NEWSLETTER

Fique por dentro de tudo que acontece no cenário economico do Estado

OUTROS CONTEÚDOS

Comunicar erro

Identificou algo e gostaria de compartilhar com a nossa equipe?
Utilize o formulário abaixo!