COTAÇÃO DE 05/03/2021

DÓLAR COMERCIAL

COMPRA: R$5,6825

VENDA: R$5,6835

DÓLAR TURISMO

COMPRA: R$5,6670

VENDA: R$5,8430

EURO

COMPRA: R$6,7719

VENDA: R$6,7732

OURO NY

U$1.698,69

OURO BM&F (g)

R$310,22 (g)

BOVESPA

+2,23

POUPANÇA

0,1159%

OFERECIMENTO

INFORMAÇÕES DO DOLAR

Inovação

Setor de TI, software e inovação segue tendência de retomada e registra alta em contratações

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
É preciso desenvolver pessoas internamente, diz Veras | Crédito: Divulgação/Sindinfor

Após um ano marcado por dificuldades, mas também pelo crescimento atípico registrado em meio à pandemia, o setor de tecnologia da informação (TI), software e inovação segue uma trajetória de crescimento, fomentando investimentos, competitividade e criando vagas de trabalho. É o que mostra a Pesquisa Salarial e de Práticas da Remuneração Variável, divulgada pelo Sindicato da Indústria de Software e da Tecnologia da Informação do Estado de Minas Gerais (Sindinfor).

Segundo o presidente da entidade, Fábio Veras de Souza, trata-se de uma valiosa ferramenta para a gestão de cargos e salários que as empresas de tecnologia têm em mãos. “Uma pesquisa de práticas de remuneração é um importante indicador para as empresas estabelecerem suas políticas internas, se manterem competitivas e reter talentos”, afirma.

PUBLICIDADE

E este último quesito, a retenção de talentos, é um dos grandes desafios enfrentados pelas empresas do setor, visto que o mercado conta com uma carência de oferta de profissionais experientes e qualificados, o que provoca um dinamismo na fixação de salários. “A força de trabalho no setor de tecnologia há muito vem sentido as carências de profissionais técnicos capacitados disponíveis para suprirem suas necessidades. Em várias situações as empresas precisam desenvolver pessoas internamente mesmo com o risco de perdê-las para outras empresas”, destaca Veras.

Abertura de vagas – O estudo foi realizado em dezembro e avaliou todos os cargos importantes para o core business organizacional, salários e práticas de RH ao longo de 2020.

Do universo pesquisado, o destaque foi o crescimento da força de trabalho, que registrou aumento de 2,9% em relação a 2019. Em relação às práticas salariais, em média, as remunerações para os cargos de Analista Desenvolvedor Pleno são de R$ 4.954; Devops Pleno: R$ 3.961; Analista de Sucesso do Cliente Pleno: R$ 3.127; e Líder de Projetos: R$ 7.371.

Dos outros aspectos pesquisados, ficou evidente que importantes mudanças de comportamento aconteceram nas empresas e estas devem permanecer pelos próximos anos: o absoluto cumprimento das normas sanitárias em proteção aos trabalhadores e também o aumento da adesão do home office, que tem sido usado com responsabilidade e vem funcionando muito bem.

Segundo o presidente do Sindinfor, o setor de tecnologia oferece bom nível de remuneração, assim como outros setores que têm que valorizar seus talentos que ocupam cargos-chaves e especializados para seu core business. “Os profissionais de destaque são reconhecidos e remunerados em bom nível. Dentre os profissionais mais procurados estão desenvolvedores, DevOps, profissionais de rede, suporte técnico, líder de projetos, arquiteto de software, scrum master e gestor de segurança.

“O Sindinfor tem buscado parcerias, como com o Sistema Fiemg, para a desenvolvimento e capacitação de profissionais para oferecer às empresas associadas. Também patrocinamos o Grupo RH Tech, para intercâmbio de informações da gestão de pessoas entre as empresas associadas e divulgamos oportunidades de negócios. O setor é um dos que mais cresceram no Brasil e no mundo no último ano e nossa expectativa é de que essa tendência de crescimento permaneça em 2021. E contamos com profissionais qualificados para isso”, finaliza.

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

NEWSLETTER

Fique por dentro de tudo que acontece no cenário economico do Estado

Ao comentar você concorda com os Termos de Uso. Os comentários não representam a opinião do portal Diário do Comércio. A responsabilidade sob qualquer informação divulgada é do autor da mensagem.

VEJA TAMBÉM

OUTROS CONTEÚDOS

PRODUZIDO EM

MINAS GERAIS

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram

Comunicar erro

Identificou algo e gostaria de compartilhar com a nossa equipe?
Utilize o formulário abaixo!

FIQUE POR DENTRO DE TUDO !

Não saia antes de se cadastrar e receber nosso conteúdo por e-mail diariamente