COTAÇÃO DE 26/05/2022

DÓLAR COMERCIAL

COMPRA: R$4,7610

VENDA: R$4,7610

DÓLAR TURISMO

COMPRA: R$4,8500

VENDA: R$4,9530

EURO

COMPRA: R$5,1433

VENDA: R$5,1459

OURO NY

U$1.850,86

OURO BM&F (g)

R$284,80 (g)

BOVESPA

+1,18

POUPANÇA

0,6719%

OFERECIMENTO

Economia Economia-destaque

Cinco empresas mineiras figuram entre as 20 maiores do País em ranking da Abras

COMPARTILHE

Crédito: Charles Silva Duarte/Arquivo DC

Mais uma vez, cinco das 20 maiores empresas do setor supermercadista brasileiro estão em Minas Gerais, confirmando a importância e representatividade do Estado para o setor.

No ranking divulgado pela Associação Brasileira de Supermercados (Abras), referente ao desempenho de 2019, apareceram Supermercados BH; DMA Distribuidora, detentora da rede Epa Supermercados e Mineirão Atacarejo; Mart Minas; Grupo Multiformato, controlador do Super Nosso e Apoio Mineiro; e Bahamas.

PUBLICIDADE




Ao todo, o setor nacional faturou R$ 378,3 bilhões no ano passado, um crescimento nominal de 6,4% em relação ao exercício anterior (e 2,5% real). Já o faturamento dos supermercados mineiros, estima-se ter sido de cerca de R$ 37,8 bilhões em 2019, uma vez que, tradicionalmente, o Estado representa 10% dos resultados alcançados pelas redes de todo o Brasil.

O presidente-executivo da Associação Mineira de Supermercados (Amis), Antônio Claret Nametala, destacou a presença das principais redes supermercadistas mineiras no ranking da entidade nacional, dizendo que o resultado é motivo de orgulho para o segmento no Estado.

“Isso reflete o crescimento do setor em Minas Gerais, com grandes investimentos em expansão e modernização, e mostra também a relevância da economia mineira no cenário nacional e a solidez das empresas do ramo”, comentou.

O presidente da Abras, João Sanzovo Neto, citou que, em 2019, o setor foi responsável por 1,8 milhão de empregos diretos e uma geração de 28,7 mil postos de trabalho em todo o País. “Dados que mostram a força de um dos setores mais representativos da economia brasileira, responsável por 5,2% do PIB (Produto Interno Bruto)”, reforçou.

PUBLICIDADE




De acordo com o ranking da Abras 2020, o Carrefour apareceu na primeira posição no Ranking Abras, com faturamento de R$ 62,2 bilhões no ano passado, seguido pelo GPA, com R$ 61,5 bilhões.

Destaques do Estado – Já o primeiro destaque mineiro ficou novamente por conta do Supermercados BH Comércio de Alimentos Ltda, que saiu da sétima posição na lista no ano passado para a sexta neste exercício. A rede, que conta com 205 lojas no Estado, faturou R$ 6,994 bilhões em 2019 contra quase cerca de R$ 6 bilhões em 2018. Isso significa um avanço de 16,5% de um ano para outro.

Na oitava posição apareceu a DMA Distribuidora S/A, detentora do Epa Supermercados, com faturamento de R$ 4,175 bilhões e 148 lojas em Minas Gerais. A rede subiu uma posição no ranking, uma vez que, em 2018, o resultado havia sido de R$ 3,6 bilhões, uma alta de 15,9%.

O Mart Minas Distribuição Ltda ganhou três posições na lista deste ano, chegando ao décimo lugar, com faturamento de R$ 3,521 bilhões em 2019 versus R$ 2,7 bilhões em 2018. O resultado representou um salto de 30% de um exercício para outro. A rede conta com 37 unidades no Estado.

A Multiformato Distribuidora S/A (Super Nosso) encerrou o ano passado com R$ 2,589 bilhões em faturamento e apareceu em décimo quinto lugar no ranking, contra a décima sétima posição um ano antes, quando faturou R$ 2,3 bilhões – crescimento de 12,5%. O grupo tem 50 lojas.

Já o Supermercados Bahamas S/A, sediado em Juiz de Fora, na Zona da Mata, mais uma vez ficou em décimo sexto no Top 20 do setor. O faturamento da rede do interior do Estado, que tem 56 pontos de vendas físicos, saiu de R$ 2,1 bilhões em 2018 para R$ 2,564 bilhões no exercício passado, um incremento de 22%.

Ao comentar você concorda com os Termos de Uso. Os comentários não representam a opinião do portal Diário do Comércio. A responsabilidade sob qualquer informação divulgada é do autor da mensagem.

COMPARTILHE

NEWSLETTER

Fique por dentro de tudo que acontece no cenário economico do Estado

OUTROS CONTEÚDOS

Comunicar erro

Identificou algo e gostaria de compartilhar com a nossa equipe?
Utilize o formulário abaixo!