COTAÇÃO DE 26/10/2021

DÓLAR COMERCIAL

COMPRA: R$5,5720

VENDA: R$5,5730

DÓLAR TURISMO

COMPRA: R$5,5900

VENDA: R$5,7230

EURO

COMPRA: R$6,4654

VENDA: R$6,4683

OURO NY

U$1.793,01

OURO BM&F (g)

R$321,20 (g)

BOVESPA

-2,11

POUPANÇA

0,3575%

OFERECIMENTO

INFORMAÇÕES DO DOLAR

Economia

Fábrica da Heineken agita Pedro Leopoldo

COMPARTILHE

Grupo Heineken conta com dois centros de distribuição em Minas Gerais, localizados em Contagem e Poços de Caldas | Crédito: Divulgação

Com R$ 1,8 bilhão a ser investido em Pedro Leopoldo, na Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH), a Heineken, que deve iniciar as suas obras de instalação na cidade ainda no segundo semestre deste ano, tem movimentado o município.

Ações já estão sendo elaboradas no sentido de oferecer benefícios não só à marca, mas também às empresas que queiram prestar serviços a ela.

PUBLICIDADE

Vice-prefeita de Pedro Leopoldo e secretária interina de Planejamento Urbano, Ana Paula Santos destaca que a cidade recebeu com muita satisfação a instalação da fábrica da cervejaria holandesa.

“É com muita satisfação que o município de Pedro Leopoldo recebe a instalação da fábrica da Heineken. Além de ser uma empresa sólida e com perspectiva de grandes investimentos, nos faz retomar a esperança de ter uma cidade próspera, com plena geração de emprego e renda”, diz ela.

Nesse cenário, ressalta Ana Paula Santos, a cidade está construindo toda uma política de desenvolvimento, que, ao fim do processo, será benéfica para os diversos envolvidos.

“Estamos construindo juntos uma política de desenvolvimento que trará benefícios ao município, à Heineken e, ainda, a todas as empresas que têm interesse em prestar serviços para ela. Nossa expectativa é de que ao final do processo, a empresa se sinta acolhida pelo município e que todos os munícipes sintam os benefícios de sua implantação”, ressalta ela.

Por enquanto, conta a vice-prefeita de Pedro Leopoldo, a empresa está finalizando a fase de registro das áreas adquiridas. “A área que foi adquirida está ao lado de um distrito industrial e está classificada em nosso Plano Diretor como Zona de Atividades Econômicas (ZAE)”, afirma.

Desenvolvimento – A chegada da Heineken a Pedro Leopoldo, de acordo com Ana Paula Santos, traz vários ganhos para a cidade. Um deles, inclusive, diz respeito ao fato de o município ganhar mais evidência.

“Ter uma empresa do porte da Heineken no município traz benefícios que vão muito além da geração de emprego e renda: coloca a cidade em evidência, atraindo outros projetos e investimentos, o que retorna à população como qualidade de vida”, ressalta ela.

No que diz respeito a projetos e investimentos, aliás, a cidade tem muito a oferecer, conforme destaca Ana Paula Santos.

“Pedro Leopoldo está inserida no Vetor Norte, que tem o Aeroporto Internacional como o principal atrativo para as empresas que pretendem se instalar aqui. Estamos a poucos quilômetros da Capital e contamos com a Fundação Pedro Leopoldo, instituição renomada e totalmente capaz de qualificar a mão de obra necessária a qualquer tipo de empreendimento. Temos escolas públicas de qualidade, cobertura de saúde suficiente e, ainda, uma gestão municipal empenhada em fazer o que for preciso para que a cidade volte a se desenvolver”, diz.

O Grupo Heineken conta, ao todo, com 15 unidades produtivas no País, sendo 12 cervejarias. Dos 29 centros de distribuição (CDs) no Brasil, dois estão em Minas Gerais – um em Poços de Caldas e outro em Contagem.

Ao comentar você concorda com os Termos de Uso. Os comentários não representam a opinião do portal Diário do Comércio. A responsabilidade sob qualquer informação divulgada é do autor da mensagem.

COMPARTILHE

NEWSLETTER

Fique por dentro de tudo que acontece no cenário economico do Estado

OUTROS CONTEÚDOS

PRODUZIDO EM

MINAS GERAIS

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram

Comunicar erro

Identificou algo e gostaria de compartilhar com a nossa equipe?
Utilize o formulário abaixo!