COTAÇÃO DE 09/04/2021

DÓLAR COMERCIAL

COMPRA: R$5,6740

VENDA: R$5,6750

DÓLAR TURISMO

COMPRA: R$5,6570

VENDA: R$5,8330

EURO

COMPRA: R$6,7129

VENDA: R$6,7158

OURO NY

U$1.744,20

OURO BM&F (g)

R$316,53 (g)

BOVESPA

-0,54

POUPANÇA

0,1590%

OFERECIMENTO

INFORMAÇÕES DO DOLAR

Economia

Guaxupé poderá ter gasoduto implantado

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Entre os segmentos que podem ser beneficiados pela oferta de gás natural na região está a indústria de calçados e a cafeicultura | Crédito: Divulgação

A cidade de Guaxupé, localizada no Sul do Estado, poderá contar com um gasoduto. O presidente da Companhia de Gás de Minas Gerais (Gasmig), Pedro Magalhães, destacou que será feita uma avaliação do potencial de consumo e a verificação da viabilidade técnica e econômica do projeto.

“Na semana após o Carnaval, a área comercial da Gasmig vai lá fazer um levantamento de mercado”, disse ele, embora também tenha destacado que, até agora, não tem nada de concreto.

PUBLICIDADE

O deputado estadual Antônio Carlos Arantes (PSDB), primeiro vice-presidente da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG), tem tratado da implantação do gasoduto no município.

No começo desta semana, inclusive, ele participou de uma reunião a respeito do assunto com o presidente da Gasmig, com o vice-prefeito de Guaxupé, Rodrigo Borges, e com o vereador Gustavo Vinícius.

De acordo com o deputado, há um grande potencial na cidade para a implantação do gasoduto, devido ao alto consumo na região.

Além disso, os planos não devem parar por aí. A ideia é posteriormente levar o gasoduto também para São Sebastião do Paraíso e para Passos.

“Estamos com uma expectativa muito grande de concretização desse projeto. O gasoduto irá fortalecer as empresas locais e automaticamente aumenta o investimento no município. É um atrativo”, salienta ele.

Setores beneficiados – O vice-prefeito de Guaxupé, Rodrigo Borges, também destaca a importância do gasoduto para a cidade.

Ele ressalta que vários segmentos serão beneficiados com o projeto, incluindo o setor de calçados, o eletromagnético e a cafeicultura – vale lembrar, inclusive, que Guaxupé conta com a Cooperativa dos Cafeicultores de Guaxupé (Cooxupé), que tem uma grande expressividade.

Nesse cenário de potencialidades, empresas que hoje utilizam outras fontes, inclusive, poderão fazer a conversão de energia para o gás. O vice-prefeito de Guaxupé frisa os ganhos em competitividade que poderão ser vistos com a adoção dessa nova realidade no município.

“Já temos empresas o suficiente para consumir o custo desse gasoduto, sem contar o que vai oportunizar de novos negócios”, diz.

Para Rodrigo Borges, o gasoduto é um grande incentivo para os empresários. “Estamos falando da possibilidade de criar uma nova zona industrial em Minas Gerais”, salienta ele.

Ao comentar você concorda com os Termos de Uso. Os comentários não representam a opinião do portal Diário do Comércio. A responsabilidade sob qualquer informação divulgada é do autor da mensagem.

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

NEWSLETTER

Fique por dentro de tudo que acontece no cenário economico do Estado

CONTEÚDO RELACIONADO

OUTROS CONTEÚDOS

PRODUZIDO EM

MINAS GERAIS

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram

Comunicar erro

Identificou algo e gostaria de compartilhar com a nossa equipe?
Utilize o formulário abaixo!