DÓLAR COMERCIAL

COMPRA: R$5,1220

VENDA: R$5,1230

DÓLAR TURISMO

COMPRA: R$5,1430

VENDA: R$5,2800

EURO

COMPRA: R$6,1922

VENDA: R$6,1950

OURO NY

U$1.876,87

OURO BM&F (g)

R$309,26 (g)

BOVESPA

+0,13

POUPANÇA

0,2019%

OFERECIMENTO

INFORMAÇÕES DO DOLAR

Economia

Startup Buser levanta R$700 mi em rodada de captação

COMPARTILHE

POR

Ônibus de viagem da startup Buser
Crédito: Luiz Krolamn

São Paulo – A Buser, que mantém um aplicativo de transporte intermunicipal de ônibus, captou 700 milhões de reais em uma rodada de levantamento de capital, que vai aproveitar para um plano de investimento de 1 bilhão de reais no Brasil nos próximos dois anos que inclui entrada em novos negócios.

A rodada, segundo anunciou a empresa nesta quinta-feira (10), foi liderada pelo fundo LGT Lightrock e também contou com a participação de Softbank, Monashees, Valor Capital Group, Globo Ventures e Canary, todos investidores da Buser nas séries anteriores, além de Iporanga Ventures.

PUBLICIDADE

“Com o novo aporte, vamos continuar crescendo em número de passageiros, viagens e parceiros e nos preparando para a retomada do turismo, que vai chegar”, afirmou o cofundador e presidente-executivo da Buser, Marcelo Abritta, no comunicado.

Ele se referiu aos impactos da pandemia, que seguem atingindo o setor de turismo, embora em menor grau em relação ao mesmo período do ano passado, com companhias aéreas e de viagens retomando neste ano planos de crescimento suspensos em 2020 após a chegada do coronavírus ao país.

Além de explorar o transporte de passageiros, a Buser agora está voltando atenções para quatro novos segmentos: marketplace em parceria com grandes viações, transporte de cargas, financiamento de ônibus e transporte urbano.

“O foco também será diversificar o negócio…como o transporte urbano de passageiros, um setor que é ainda mais fechado do que o interestadual e intermunicipal”, disse Abritta.

A Buser foi criada em 2017 e cresceu explorando um modelo de “fretamento colaborativo”, em que os passageiros dividem a conta final da viagem. A companhia afirma ter atualmente quase 4 milhões de clientes em sua plataforma.

Com isso, do investimento de 1 bilhão de reais previsto para os próximos dois anos, a companhia vai dedicar 400 milhões de reais para expandir-se “para todo o país”. Outros 200 milhões serão destinados ao financiamento de ônibus junto aos parceiros da Buser.

Ao comentar você concorda com os Termos de Uso. Os comentários não representam a opinião do portal Diário do Comércio. A responsabilidade sob qualquer informação divulgada é do autor da mensagem.

COMPARTILHE

NEWSLETTER

Fique por dentro de tudo que acontece no cenário economico do Estado

CONTEÚDO RELACIONADO

OUTROS CONTEÚDOS

PRODUZIDO EM

MINAS GERAIS

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram

Comunicar erro

Identificou algo e gostaria de compartilhar com a nossa equipe?
Utilize o formulário abaixo!