COTAÇÃO DE 18/06/2021

DÓLAR COMERCIAL

COMPRA: R$5,0680

VENDA: R$5,0690

DÓLAR TURISMO

COMPRA: R$5,0370

VENDA: R$5,2330

EURO

COMPRA: R$5,9716

VENDA: R$5,9733

OURO NY

U$1.764,31

OURO BM&F (g)

R$286,98 (g)

BOVESPA

+0,27

POUPANÇA

0,2446%

OFERECIMENTO

INFORMAÇÕES DO DOLAR

Negócios

Empresas gerenciadas por “parceiros da vida” têm lado desafiador

COMPARTILHE

Casal transforma dificuldade em oportunidade para empreender | Crédito: Divulgação

Com a proximidade do Dia dos Namorados, um casal de Belo Horizonte mostra que a cumplicidade pode ir além de um relacionamento amoroso, e se transformar em uma parceria de sucesso nos negócios. Foi assim, que Alan e Isabella Reis realizaram juntos o sonho de empreender. “Sempre sonhamos em ter nosso próprio negócio. Até que decidimos arriscar e, há quatro anos, nos tornamos empreendedores”, lembra Isabella Reis.

Em 2017, quando ainda namoravam, Alan e Isabella decidiram criar a clínica de fisioterapia Espaço Vida e Movimento. No início, eles sublocavam um espaço que já era equipado com aparelhos de pilates, o que permitiu reduzir os custos com investimentos que teriam para iniciar um novo negócio. Segundo Isabella Reis, outra vantagem foi que o local já era conhecido, o que facilitou a captação de novos clientes.

PUBLICIDADE

Mas nem tudo foram flores. Empreender com o parceiro de vida também tem um lado desafiador. A maior dificuldade, de acordo com Isabella Reis, é o consenso nas tomadas de decisões, já que um é visionário, enquanto o outro é cauteloso. “Às vezes, acabo cedendo aos argumentos do Alan, pois é incrível como tudo o que ele fala acontece, principalmente, quando o assunto diz respeito ao crescimento da empresa”, admite da empreendedora.

Assim, como foi para outros negócios, a pandemia da Covid-19 restringiu a circulação das pessoas e trouxe reflexos negativos para a clínica do casal. Quando os estabelecimentos considerados não essenciais foram impedidos de abrir, em março de 2020, a clínica ficou fechada por quase 100 dias, o que obrigou o casal a repensar o modelo de negócio e adaptar o empreendimento ao novo cenário.

A solução encontrada para superar a crise entrou em prática no mês seguinte, quando a clínica passou a oferecer os atendimentos on-line para os clientes. A inclusão digital foi além, e o casal passou a investir também nas redes sociais e o negócio ganhou ainda mais visibilidade. “Aquela foi uma das fases mais difíceis que atravessamos. Mas desanimar não era uma opção. Pelo contrário, estudamos e planejamos tudo para o retorno das atividades da clínica sempre prezando a segurança dos nossos clientes”, afirma Isabella Reis.

Mesmo diante de um cenário instável, o casal está investindo na estruturação do negócio e na ampliação da equipe. Além disso, buscaram a ajuda do Sebrae Minas por meio de capacitações on-line para melhorar a gestão da empresa, e agora planejam a abertura de uma segunda unidade da clínica.

Diante dos bons resultados, Alan e Isabella comemoram e destacam a importância da parceria no amor e nos negócios para superar dificuldades. “Essa é a grande vantagem de contar com o meu marido nos negócios. A gente cresce e conquista juntos. Um vira o apoio do outro em momentos difíceis. Com o passar do tempo, o relacionamento também amadurece e nos tornamos mais responsáveis”, justifica Isabella Reis.

Ao comentar você concorda com os Termos de Uso. Os comentários não representam a opinião do portal Diário do Comércio. A responsabilidade sob qualquer informação divulgada é do autor da mensagem.

COMPARTILHE

NEWSLETTER

Fique por dentro de tudo que acontece no cenário economico do Estado

CONTEÚDO RELACIONADO

OUTROS CONTEÚDOS

PRODUZIDO EM

MINAS GERAIS

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram

Comunicar erro

Identificou algo e gostaria de compartilhar com a nossa equipe?
Utilize o formulário abaixo!