COTAÇÃO DE 03-12-2021

DÓLAR COMERCIAL

COMPRA: R$5,6790

VENDA: R$5,6800

DÓLAR TURISMO

COMPRA: R$5,7000

VENDA: R$5,8300

EURO

COMPRA: R$6,3643

VENDA: R$6,3655

OURO NY

U$1.784,10

OURO BM&F (g)

R$321,33 (g)

BOVESPA

+0,58

POUPANÇA

0,4739%

OFERECIMENTO

INFORMAÇÕES DO DOLAR

Negócios

São Paulo – A MRV está investindo em novas frentes de negócios para ampliar sua atuação no mercado além da construção e venda de imóveis, oferecendo aos clientes acesso a uma plataforma de comércio eletrônico que reúne produtos para equipar a moradia, em um esforço que visa prolongar a relação com o cliente por meio de parcerias com outros grupos de peso, incluindo Magazine Luiza.

“A MRV é uma indutora do pico de consumo, então conectar os clientes a esses parceiros faz todo sentido… Queremos alargar nosso portfólio para que o relacionamento com o cliente não acabe no momento de entrega das chaves”, afirmou o copresidente da maior construtora de imóveis econômicos do País, Rafael Menin.

PUBLICIDADE

Batizada de Clube de Vantagens MRV, a plataforma para venda de produtos de terceiros foi lançada em dezembro do ano passado, inicialmente com foco em acabamento, e depois passou a integrar outras categorias, incluindo eletrodomésticos e decoração, com a entrada de novos parceiros.

O mais recente deles é a varejista de comércio eletrônico Magazine Luiza, que aderiu ao marketplace em 1º de outubro e vem impulsionando vendas de eletrodomésticos com descontos que variam de 5% a 10%. Procurada, a Magazine Luiza disse que “busca, em diversas oportunidades, estar ao lado de parceiros que ajudem a entregar um melhor serviço para o cliente”, contribuindo para a fidelização.

A varejista informou ainda ter várias parcerias com a MRV, destacando o clube de benefícios para clientes e funcionários, no qual descontos de até 10% são concedidos. “Além do desconto, nas compras de produtos, eles podem aproveitar o serviço de retirar loja com frete grátis”, afirmou a Magazine Luiza em nota.

“Um em cada cinco clientes da MRV já compra na plataforma, isso significa mais ou menos 800 clientes por mês”, comentou Rodrigo Resende, diretor de marketing e vendas da MRV. Segundo ele, o marketplace já fatura cerca de R$ 4 milhões por mês.Considerando só transações envolvendo eletrodomésticos, que por enquanto não são comissionadas, a plataforma negocia uma média de 200 mercadorias por mês, disse Resende.

De acordo com o copresidente da MRV, a decisão de expandir as operações deve-se, entre outros fatores, às mudanças nos hábitos de consumo, incluindo uma disposição cada vez menor das novas gerações em assumir financiamento de longo prazo para aquisição da casa própria.

“Existe uma demanda de 1 milhão de casas por ano em termos demográficos, mas não significa que todos vão querer comprar, alguns preferem alugar”, comentou Menin, citando ainda o papel cada vez mais relevante da tecnologia nos negócios da MRV.

Internet – Entre as iniciativas para modernizar o negócio, a MRV criou mais duas plataformas. Uma é a “Mão na Roda”, que permite aos compradores de imóveis da empresa anunciarem serviços e produtos aos demais condôminos de um edifício, e outra é a “Conecta MRV”, ainda em fase de testes em Belo Horizonte, que promete ajudar síndicos na gestão dos empreendimentos. (Reuters)

Ao comentar você concorda com os Termos de Uso. Os comentários não representam a opinião do portal Diário do Comércio. A responsabilidade sob qualquer informação divulgada é do autor da mensagem.

COMPARTILHE

NEWSLETTER

Fique por dentro de tudo que acontece no cenário economico do Estado

OUTROS CONTEÚDOS

PRODUZIDO EM

MINAS GERAIS

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram

Comunicar erro

Identificou algo e gostaria de compartilhar com a nossa equipe?
Utilize o formulário abaixo!