COTAÇÃO DE 19/01/2022

DÓLAR COMERCIAL

COMPRA: R$5,4650

VENDA: R$5,4660

DÓLAR TURISMO

COMPRA: R$5,5000

VENDA: R$5,6270

EURO

COMPRA: R$6,2355

VENDA: R$6,2384

OURO NY

U$1.842,40

OURO BM&F (g)

R$325,08 (g)

BOVESPA

+1,26

POUPANÇA

0,6324%%

OFERECIMENTO

INFORMAÇÕES DO DOLAR

Economia

Nova gestão aposta em inovação e parceria com poder público

COMPARTILHE

" "
Marcelo foi eleito presidente da entidade comercial para o triênio 2019-2021 em dezembro - Marcelo de Souza e Silva Crédito: Divulgação

Acumulando experiência de empresário e com atuação no setor público, o administrador de empresas e contador Marcelo de Souza e Silva acaba de assumir a presidência da Câmara de Dirigentes Lojistas de Belo Horizonte (CDL-BH). Ele foi eleito para ocupar o cargo no triênio 2019-2021,

substituindo o empresário Bruno Falci, que ficou à frente da instituição de 2011 a 2018. Entre os principais desafios, Silva cita o incentivo às iniciativas de tecnologia e inovação no comércio e a atuação junto ao poder público para que sejam cumpridas as promessas de reformas estruturais e de simplificação de processos que incentivem as atividades dos empreendedores. 

PUBLICIDADE




Marcelo de Souza e Silva reforça que a CDL-BH continuará atuando para gerar valor ao negócio do comerciante. “Daremos continuidade à gestão do presidente Bruno Falci, que será nosso vice-presidente, aproveitando alguns projetos. Mas traremos novas ações para melhorar o ambiente de negócios na cidade, no Estado e no País”, diz Silva, ressaltando que a CDL da capital mineira é a maior do País, com 12 mil associados. 

O empreendedor vê com otimismo o fato de ter assumido a presidência da CDL-BH no momento de mudança política no País e no Estado, com a eleição do presidente Jair Bolsonaro (PSL) e do governador Romeu Zema (Novo). “As expectativas são positivas e precisamos de ações por parte do poder público que correspondam a essa perspectiva”, destaca.

Entre essas ações, ele cita a simplificação tributária, a reforma da Previdência e o equilíbrio das contas públicas. “Criando confiança empresarial, haverá investimento, o que vai gerar emprego e renda, que se converterá em consumo, criando o ciclo virtuoso”, explica. 

Um dos principais pilares da atual gestão será o incentivo ao uso da tecnologia para favorecer o comércio. Um exemplo é a utilização das redes sociais para expandir negócios e fidelizar clientes. O empresário, que já atuou em diversos ramos, como armarinho e colchoaria, hoje mantém uma loja on-line, no segmento de saboaria, fazendo negócios em todo o País e até no exterior. 




Outro aspecto a ser priorizado é o trabalho junto ao Executivo, Legislativo e Judiciário na busca constante de medidas que facilitem o funcionamento de empresas. 

Carreira – Silva atua junto à CDL-BH há 29 anos, tendo dado início a essa participação por meio da CDL Jovem, em 1989. Desde 1997, ocupa o cargo de vice-presidente, atuando em diversas gestões. Formado em Administração de Empresas e em Ciências Contábeis, Marcelo de Souza e Silva foi diretor de projetos da Junta Comercial de Minas Gerais, de 2007 a 2009, quando implantou o Projeto Minas Fácil, de simplificação de processos. 

Na Prefeitura de Belo Horizonte, atuou nas gestões de 2013 a 2015, como secretário-adjunto de Desenvolvimento Econômico e secretário Regional Centro-Sul. Conselheiro suplente do conselho deliberativo do Sebrae Minas, ele participou na elaboração e aprovação da Lei Geral das Micro e Pequenas Empresas.

A eleição de Marcelo de Souza e Silva ocorreu em dezembro e ele já está atuando desde 1º de janeiro. A cerimônia de posse está marcada para 11 de fevereiro. O empresário Bruno Falci, que esteve à frente da CDL-BH entre 2011 e 2018, passará agora a ocupar o cargo de vice-presidente para assuntos jurídicos e tributários.

Ao comentar você concorda com os Termos de Uso. Os comentários não representam a opinião do portal Diário do Comércio. A responsabilidade sob qualquer informação divulgada é do autor da mensagem.

COMPARTILHE

NEWSLETTER

Fique por dentro de tudo que acontece no cenário economico do Estado

OUTROS CONTEÚDOS

Comunicar erro

Identificou algo e gostaria de compartilhar com a nossa equipe?
Utilize o formulário abaixo!