COTAÇÃO DE

DÓLAR COMERCIAL

COMPRA: R$5,6280

VENDA: R$5,6280

DÓLAR TURISMO

COMPRA: R$5,6030

VENDA: R$5,7800

EURO

COMPRA: R$6,7254

VENDA: R$6,7278

OURO NY

U$1.763,38

OURO BM&F (g)

R$319,29 (g)

BOVESPA

+0,34

POUPANÇA

0,1590%

OFERECIMENTO

INFORMAÇÕES DO DOLAR

Receitas aumentam 1,5% em setembro ante 2017

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

São Paulo – As receitas do varejo no Brasil subiram 1,5% em setembro, ante o mesmo período do ano passado, desconsiderando a inflação, segundo o Índice Cielo do Varejo Ampliado (ICVA), divulgado ontem pela companhia de meios de pagamento Cielo.

O resultado indica piora ante o mês anterior, quando o índice registrou alta de 4,7% em agosto, prejudicado pelo efeito calendário, com um domingo a mais e uma sexta-feira a menos, dia mais forte para o varejo.

PUBLICIDADE

Em termos nominais, a alta foi de 4,9% ante setembro de 2017, também mais fraco do que em agosto, quando subiu 7,8%.

Sem o impacto do calendário, o índice deflacionado indicaria alta de 3,2%, contra 4,1% no mês passado.

“Percebemos que neste mês houve uma desaceleração em relação a agosto quando o varejo foi impactado positivamente por setores específicos, como o de vestuário… Ainda assim, setembro seguiu a trajetória positiva de crescimento percebida desde o ano passado”, informou o diretor de Inteligência da Cielo, Gabriel Mariotto, no comunicado.

Em setembro, a desaceleração foi conduzida pelos bens duráveis e semiduráveis, com destaque para os setores supermercados/hipermercados e drogarias/farmácias. (Reuters)

Ao comentar você concorda com os Termos de Uso. Os comentários não representam a opinião do portal Diário do Comércio. A responsabilidade sob qualquer informação divulgada é do autor da mensagem.

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

NEWSLETTER

Fique por dentro de tudo que acontece no cenário economico do Estado

CONTEÚDO RELACIONADO

OUTROS CONTEÚDOS

PRODUZIDO EM

MINAS GERAIS

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram

Comunicar erro

Identificou algo e gostaria de compartilhar com a nossa equipe?
Utilize o formulário abaixo!