COTAÇÃO DE 22/09/2021

DÓLAR COMERCIAL

COMPRA: R$5,3030

VENDA: R$5,3040

DÓLAR TURISMO

COMPRA: R$5,3100

VENDA: R$5,4600

EURO

COMPRA: R$6,1939

VENDA: R$6,1967

OURO NY

U$1.768,10

OURO BM&F (g)

R$301,58 (g)

BOVESPA

+1,84

POUPANÇA

0,3012%

OFERECIMENTO

INFORMAÇÕES DO DOLAR

Gestão Gestão-destaque livre

Sistema de armazenamento em nuvem rende flexibilidade para gestão

COMPARTILHE

Crédito: Divulgação

É quase unanimidade nas rodas de conversa entre amigos quando se fala na falta de tempo para resolver questões pessoais. Praticamente impossível conciliar o trabalho com aquela consulta médica que há tempos estava planejando ou então, para quem tem filhos, sabe que sempre existe uma urgência inesperada, e, a rotina de trabalho moderna nunca acaba.

São centenas de e-mails e tarefas diárias, que não acabam rapidamente e dificilmente é possível deixar o escritório em horários que permitam resolver essas agendas. Mas, para muitas pessoas esse modelo de trabalho já é ultrapassado, pois ter flexibilidade de horário e alguns dias trabalhando da própria casa já é uma realidade.

PUBLICIDADE

Para Paulo Chabbouh, CEO da L5 Networks, empresa pioneira de desenvolvimento de soluções em nuvem, este é realmente um caminho que as empresas precisam avaliar com mais atenção.

“Não é uma novidade. Já estamos nessa direção há um tempo. Só no mercado de nuvem, somos líderes há 14 anos. Começamos com telefonia em nuvem e atualmente entregamos ao mercado soluções completas como PABX em nuvem, Plataforma de atendimento Omnichannel, CRM, todo suporte em tecnologia da informação, nossas soluções PABX White Label e integração de telefonia ao Microsoft Teams. O que fazemos é permitir que as empresas sejam mais ágeis e possam realizar suas atividades de qualquer parte do mundo, facilitamos inclusive a contratação de mão de obra, onde é possível que um especialista que mora na Índia preste serviço para uma empresa no Brasil acessando todas as ferramentas em tempo real e todos enxergando o que está sendo feito através do sistema. Encurtamos distâncias e agilizamos processos”.

Uma pesquisa da Catho, realizada em 2018, aponta que 30% das mulheres deixam o mercado de trabalho para cuidar de seus filhos, e que das mães que continuam no mercado, 48% já tiveram problemas com seus contratantes por eventualidades com seus filhos.

Se trabalharmos no âmbito das hipóteses, se mais empresas brasileiras investissem em tecnologias como a que Chabbouh explica, em que através de uma empresa baseada na nuvem é possível trabalhar de dentro de casa, as mulheres que se tornam mães não precisariam sair do mercado de trabalho, mas, sim, poderiam atuar home-office com estrutura oferecida pela empresa, para que pudessem ter horários mais flexíveis para lidar com as eventualidades que ocorrem com crianças pequenas.

E a melhor parte é que a tecnologia para deixar uma empresa mais moderna e na nuvem é acessível e nacional.

“A L5 começou atuando no Brasil, mas não deixou de olhar para o mercado nacional onde, atende desde os pequenos aos grandes, é viável para todos e é importante dar esse passo. O mercado pede isso, as empresas precisam disso, quem não estiver preparado, vai ficar para trás. Tudo fica armazenado na nuvem, os sistemas são 100% gerenciáveis e é possível acompanhar o que as equipes estão fazendo em tempo real. As ligações ficam armazenadas, os arquivos ficam organizados, é realmente enxergar a empresa através de um monitor, todos os setores. O que não dá é uma empresa resolver falar para os colaboradores fazerem home-office antes de organizar e implantar os sistemas. Mas tendo os sistemas implantados, vai ter escritório físico só se quiser ou precisar”, finaliza Chabbouh. (Da Redação)

Ao comentar você concorda com os Termos de Uso. Os comentários não representam a opinião do portal Diário do Comércio. A responsabilidade sob qualquer informação divulgada é do autor da mensagem.

COMPARTILHE

NEWSLETTER

Fique por dentro de tudo que acontece no cenário economico do Estado

OUTROS CONTEÚDOS

PRODUZIDO EM

MINAS GERAIS

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram

Comunicar erro

Identificou algo e gostaria de compartilhar com a nossa equipe?
Utilize o formulário abaixo!