COTAÇÃO DE 26/10/2021

DÓLAR COMERCIAL

COMPRA: R$5,5720

VENDA: R$5,5730

DÓLAR TURISMO

COMPRA: R$5,5900

VENDA: R$5,7230

EURO

COMPRA: R$6,4654

VENDA: R$6,4683

OURO NY

U$1.793,01

OURO BM&F (g)

R$321,20 (g)

BOVESPA

-2,11

POUPANÇA

0,3575%

OFERECIMENTO

INFORMAÇÕES DO DOLAR

Negócios Negócios-destaque

Academia do Café potencializa ações no ambiente digital

COMPARTILHE

Antes da pandemia, o ambiente virtual não tinha tanto peso quanto o presencial | Crédito: Divulgação/Academia do Café

Uma verdadeira instituição cultural em Minas Gerais, o café é, antes de tudo, uma experiência sensorial que aguça sentidos como o olfato, a visão e, principalmente, o paladar.

O fechamento ou a restrição de funcionamento das cafeterias durante a pandemia da Covid-19 obrigou as empresas do ramo a inventarem novas formas de se fazer viáveis e, por que não, presentes na vida dos clientes. E, algumas, se surpreenderam com o resultado.

PUBLICIDADE

E a hora parece, mesmo, indicada para o fortalecimento das marcas. De acordo com a Associação Brasileira da Indústria de Café (Abic), o consumo da bebida na quarentena aumentou 30%.

Atenta a esse cenário, a Academia do Café, sediada na região Centro-Sul da Capital, potencializou o e-commerce de cafés especiais e levou os cursos, antes oferecidos presencialmente, para uma plataforma on-line. Com as lojas físicas fechadas e as adaptações, a loja virtual teve um aumento de 95% nas vendas.

De acordo com uma das sócias da Academia do Café, Júlia Fortini, para conquistar esse resultado, a estratégia foi melhorar a comunicação sobre os produtos e serviços on-line, oferecer mais itens e cafés especiais no site, iniciar a entrega rápida em Belo Horizonte e criar kits promocionais.

“Antes da pandemia, o ambiente virtual não tinha tanto peso quanto o presencial. Mas nós já estávamos investindo em nosso site, na plataforma e na divulgação pois sabíamos do nosso potencial de atingir clientes de todo o Brasil. Estávamos preparados. Investimos na mudança de nossa plataforma, comunicação e afins uns seis meses antes da pandemia começar”, revela Júlia Fortini.

Para alcançar e conquistar novos clientes, inclusive de lugares distantes, foi preciso criar novos métodos. Os alunos recebem um kit para a aula prática em casa. A expectativa é de que no futuro o modelo adquira característica híbrida.

“Com isso conseguimos que o aluno tenha a mesma experiência que estamos ensinando, só que do outro lado da telinha, em casa. Acreditamos que o on-line vai continuar sendo muito procurado, tanto no e-commerce quanto nos cursos. Estamos até buscando outros modelos para os nossos cursos mais avançados. Sempre tivemos muitos alunos de todo o Brasil e às vezes até de outros países, o on-line facilita essa proximidade e pode ser até um curso de entrada para fazer os presenciais”, afirma a empresária.

Impactos da crise – Apesar das conquistas, o período tem sido de grande dificuldade para a Academia do Café. Das duas lojas na região Centro-Sul, apenas a unidade do bairro Funcionários continua aberta para retirada de produtos.

“Devido à pandemia tivemos um atraso na execução de projetos. Foi preciso reformular o negócio e a forma de mantermos contato com nossos clientes. Tivemos crescimento em algumas áreas e em outras menos. No ano que vem, vamos focar principalmente no que mais sabemos fazer e ensinar: café. A pandemia veio e com ela ficou claro que os cursos e o café de qualidade são os carros-chefes. Queremos focar na experiência única de nossos alunos e clientes que passarem pela nossa escola e cafeteria focando na disseminação de conhecimento e café de qualidade”, completou a sócia da Academia do Café.

Ao comentar você concorda com os Termos de Uso. Os comentários não representam a opinião do portal Diário do Comércio. A responsabilidade sob qualquer informação divulgada é do autor da mensagem.

COMPARTILHE

NEWSLETTER

Fique por dentro de tudo que acontece no cenário economico do Estado

OUTROS CONTEÚDOS

PRODUZIDO EM

MINAS GERAIS

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram

Comunicar erro

Identificou algo e gostaria de compartilhar com a nossa equipe?
Utilize o formulário abaixo!