COTAÇÃO DE 24/09/2021

DÓLAR COMERCIAL

COMPRA: R$5,3430

VENDA: R$5,3440

DÓLAR TURISMO

COMPRA: R$5,3800

VENDA: R$5,5030

EURO

COMPRA: R$6,2581

VENDA: R$6,2594

OURO NY

U$1.750,87

OURO BM&F (g)

R$301,00 (g)

BOVESPA

-0,69

POUPANÇA

0,3012%

OFERECIMENTO

INFORMAÇÕES DO DOLAR

Negócios Negócios-destaque

Aeroporto Internacional de BH inaugura laboratório para exames RT-PCR

COMPARTILHE

Unidade do Hermes Pardini terá os resultados liberados em 4 horas, no app ou site da rede | Crédito: Divulgação/BH AIRPORT

Desde o início desta semana, o Hermes Pardini, em parceria com a BH Airport, concessionária que administra o Aeroporto Internacional de Belo Horizonte, em Confins, na Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH), está disponibilizando testes RT-PCR, considerado padrão ouro para detectar o coronavírus, no principal terminal de Minas Gerais. A proposta é atender a demanda por parte de passageiros e companhias áreas, com resultados liberados em 4 horas.

De acordo com a diretora de Negócios do Grupo Pardini, Adriana Linhares, disponível apenas na modalidade particular e sem exigência de pedido médico, o exame para Covid-19 poderá ser feito em pessoas sintomáticas e assintomáticas que precisam realizar viagens. Segundo ela, alguns países e companhias aéreas já têm exigido a testagem.

PUBLICIDADE

“A demanda vem da necessidade cada vez maior de prover o acesso das pessoas aos exames. Como o RT-PCR já começa a ser exigido em alguns destinos e nossa capacidade de realização complementa a oferta, surgiu a oportunidade de instalarmos um posto de coleta no aeroporto”, disse.

Adriana Linhares lembra, porém, que a instalação da unidade é temporária para atender o período de maior volume de voos e passageiros que passam pelo terminal. Historicamente, entre dezembro e fevereiro, o número de viajantes circulando pelo País aumenta consideravelmente, sobretudo por conta do período de férias, Natal e Réveillon. Nos primeiros dias de funcionamento, a procura ficou dentro do esperado, e cerca de 20 pessoas solicitaram o serviço.

Atualmente, o Hermes Pardini tem o maior núcleo para realização de exames RT-PCR para Covid do Brasil, com capacidade para 20 mil testes dia e tem atuado fortemente no diagnóstico da doença, desde que ela chegou ao Brasil. Conforme a diretora, o fato de o núcleo estar localizado em Vespasiano, nas proximidades do aeroporto, também pesou na decisão de criar unidade com tempo célere nos resultados. “Criamos uma rota exclusiva e conseguimos liberar os exames mais rápido”, disse.

Realizado por meio da coleta de material do nariz e garganta com uma haste flexível, o teste molecular do tipo RT-PCR identifica o material genético do vírus no organismo e é usado para detectar se a pessoa está infectada no momento. Diferentemente dos exames sorológicos, que coletam sangue e identificam a presença de anticorpos, indicando uma contaminação no passado.

Ao comentar você concorda com os Termos de Uso. Os comentários não representam a opinião do portal Diário do Comércio. A responsabilidade sob qualquer informação divulgada é do autor da mensagem.

COMPARTILHE

NEWSLETTER

Fique por dentro de tudo que acontece no cenário economico do Estado

OUTROS CONTEÚDOS

PRODUZIDO EM

MINAS GERAIS

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram

Comunicar erro

Identificou algo e gostaria de compartilhar com a nossa equipe?
Utilize o formulário abaixo!