Crédito: Mara Bianchetti

de Uberlândia*

Com a presença do governador Romeu Zema (Novo), a Alsol Energias Renováveis, empresa do grupo Energisa, acaba de inaugurar sua quarta usina solar fotovoltaica própria neste exercício. Trata-se da planta Granja Marileusa I, com 6 megawatts-pico de capacidade de geração, em Uberlândia, no Triângulo Mineiro.

Nos próximos dois meses serão inauguradas mais duas usinas, totalizando R$ 100 milhões de investimentos na área pela empresa, apenas em 2020.

“As iniciativas da Energisa visam consolidar a energia renovável por meio de diferentes fontes em todo o Brasil. A fotovoltaica é a uma das matrizes elétricas consideradas mais limpas e, combinada com outras fontes, como a hidrelétrica ou biomassa, pode se fortalecer ainda mais. Por isso, a Alsol continuará investindo fortemente”, anunciou.

Já o governador lembrou a importância da energia na atração de investimentos para o Estado. E voltou a falar sobre a necessidade da privatização da Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig). “É a única solução viável hoje. Outra alternativa seria o aporte de R$ 15 bilhões na companhia. O governo não consegue pagar nem o funcionalismo em dia”, justificou.

Na solenidade também foi anunciada parceria da Alsol com o Banco Inter para fornecimento de energia fotovoltaica para residências.

(*) a repórter viajou a convite da Energisa