COTAÇÃO DE 24/01/2022

DÓLAR COMERCIAL

COMPRA: R$5,5030

VENDA: R$5,5030

DÓLAR TURISMO

COMPRA: R$5,4870

VENDA: R$5,6630

EURO

COMPRA: R$6,2080

VENDA: R$6,2103

OURO NY

U$1.842,90

OURO BM&F (g)

R$323,72 (g)

BOVESPA

-0,92

POUPANÇA

0,5845%%

OFERECIMENTO

INFORMAÇÕES DO DOLAR

Negócios

Atendimento on-line ancorou os negócios da concessionária Banzai

COMPARTILHE

" "
Crédito: Reprodução
Crédito: Reprodução

A concessionária Banzai, com duas unidades em Belo Horizonte, tem registrado incremento nas vendas, mesmo com a restrição de funcionamento das lojas, que ficaram cerca de cinco meses proibidas de funcionar no ano passado e, agora em 2021, estão desde o último dia 11, na mesma situação. O bom desempenho se refere não apenas à alta demanda observada no mercado, mas também ao formato de atendimento on-line da empresa, o Banzai Connect.

Quem explica é o sócio-diretor da revendedora Honda, Gabriel Lucian. Segundo ele, desde o primeiro fechamento, implementado em março de 2019, a empresa se viu preparada para o novo formato de venda. É que já havia uma equipe voltada para o atendimento on-line. Atualmente, 13 pessoas cuidam exclusivamente dos canais digitais, que incluem telefone, internet, chat e a modalidade live car.

PUBLICIDADE




“Quando todos foram correr para implementar esses canais, os nossos já estavam desenvolvidos. Acabamos virando referência na Honda e no mercado. Nos meses em que mantivemos as lojas físicas fechadas, 80% das vendas foram realizadas pelos canais digitais. Os outros 20% se referiram a contratos anteriores que foram apenas finalizados”, afirmou.

Dessa forma, quando o prefeito Alexandre Kalil (PSD) anunciou novo fechamento, a partir do dia 11 deste mês, o empresário não se preocupou tanto quanto da primeira vez. Inclusive, ele acredita que mesmo após a liberação, a proporção entre venda presencial e remota deverá ser alterada, em função dos novos hábitos adotados pela população.

“Antes da pandemia, nossas vendas por telefone e internet representavam entre 20% e 25% do total. Depois do primeiro fechamento, já tivemos um aumento para próximo de 60%. Acredito que quando tudo voltar ‹ao normal›, a modalidade vai continuar em crescimento», apostou.

Sobre o desempenho no ano passado, Lucian explicou que as consequências da pandemia afetaram não apenas as vendas, que caíram em relação ao exercício anterior, mas também o dinamismo das operações e a vida e o comportamento dos funcionários. Para 2021, o cenário é de otimismo. Conforme o empresário, as expectativas são boas, apesar de saber que o setor irá sofrer um pouco com falta de componentes e mão de obra, além da saída da Ford do Brasil e o real continuar desvalorizado em relação ao dólar.




“Por outro lado, temos novidades e os lançamentos que estavam previstos para 2020 e foram transferidos para 2021. Além disso, o dinamismo do mercado mostra que quando uma montadora sai de um local, outras investem mais. Não enxergamos um ano com grande salto nas vendas, mas com crescimento em relação ao anterior”, apostou.

Outro destaque dos últimos anos, conforme o sócio diretor da Banzai, diz respeito aos investimentos em estrutura para a demanda proveniente da venda especializada de veículos para consumidores com perfis especiais. Segundo ele, a concessionária possui uma equipe treinada para orientar o cliente quanto a documentação necessária, com colaboradores pós-graduados especializados para essas modalidades: PCD, Rural e CNPJ. “Essa estratégia tem gerado resultados, pois a Honda hoje lidera o mercado nestes nichos”, revelou.

Ao comentar você concorda com os Termos de Uso. Os comentários não representam a opinião do portal Diário do Comércio. A responsabilidade sob qualquer informação divulgada é do autor da mensagem.

COMPARTILHE

NEWSLETTER

Fique por dentro de tudo que acontece no cenário economico do Estado

OUTROS CONTEÚDOS

Comunicar erro

Identificou algo e gostaria de compartilhar com a nossa equipe?
Utilize o formulário abaixo!