COTAÇÃO DE 02/08/2021

DÓLAR COMERCIAL

COMPRA: R$5,1650

VENDA: R$5,1650

DÓLAR TURISMO

COMPRA: R$5,1700

VENDA: R$5,3200

EURO

COMPRA: R$6,0990

VENDA: R$6,1002

OURO NY

U$1.813,45

OURO BM&F (g)

R$299,72 (g)

BOVESPA

+0,59

POUPANÇA

0,2446%

OFERECIMENTO

INFORMAÇÕES DO DOLAR

Negócios Negócios-destaque
É a bebida mais consumida no mundo, afirma Laiza Machado | Crédito: Divulgação/Don Luchesi

Bebida que caiu no gosto dos brasileiros nos últimos anos, o gin, com origem e essência europeias, aos poucos, vai construindo uma identidade tupiniquim e, porque não, bem mineira.

O Estado já abriga algumas destilarias, produz e comercializa rótulos artesanais e acaba de inaugurar a maior fábrica do segmento no Estado, em Lagoa Santa, na Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH).

PUBLICIDADE

Trata-se da destilaria Don Luchesi, construída sob aportes da ordem de R$ 1,5 milhão – que inclui a compra de dois alambiques, três tanques de descanso, maquinário industrial para lavagem e sanitização do material, máquina de envase automática, utensílios específicos para a bebida e funcionários qualificados.

Além do destilado mais famoso e cobiçado da atualidade, a planta irá abrigar também uma linha de produção de guarnição para drinks com blends servidos em saquinhos piramidais biodegradáveis.

As informações são da proprietária da empresa, Laiza Machado. Segundo ela, o interesse pelo empreendimento surgiu de desejos familiares, viagens e pesquisas mundo afora sobre destilados.

“Inicialmente, meu esposo tinha vontade de montar uma cachaçaria. Ao conhecer boas opções de gin e ver o potencial da bebida, propus que enveredássemos por este caminho. É a bebida mais consumida no mundo, até mesmo ultrapassando o uísque. É ‘limpa’, sem glúten, que pode ser servida em copos maravilhosos, servidos entre amigos, na balada ou individualmente”, reforçou.

Infraestrutura – Para concretizar o empreendimento, primeiro investiram em um alambique de 25 litros. Iniciaram os testes e, conforme a empresária, em dois meses já foi preciso alugar um galpão de 448 metros quadrados, que abriga hoje a área administrativa e a produção da Don Luchesi.

“Já possuímos toda a documentação do Mapa (Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento) e a produção está a todo vapor. Porém, para começarmos as vendas ainda dependemos de um selo de IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados) da Receita Federal. Estamos na expectativa da liberação”, afirmou.

Com a estrutura atual, a destilaria possui capacidade de produzir 50 mil garrafas de gin por mês, mas, inicialmente, serão fabricados de 300 a 400 litros da bebida por dia. Conforme Laiza Machado, à medida que a demanda for aumentando, novos aportes poderão ser realizados. “Ainda nem começamos o trabalho comercial e já estamos sendo bastante demandados. A intenção é sermos referência da bebida a nível nacional”, revelou.

Batizado de O’Gin, a bebida produzida em Lagoa Santa é fruto da experiência da empresária e do esposo, que visitaram oito países – entre os quais Inglaterra, Tailândia, Itália e França – até chegar ao produto final. A receita do casal combina várias especiarias, entre as quais zimbro (baga aromática das regiões temperadas), yuzu (limão japonês) e buddha’s hand (fruta cítrica tailandesa).

Mas o toque especial da marca está no resgate da mineiridade, pelo acréscimo do famoso ora-pro-nóbis – iguaria bastante utilizada na gastronomia de Minas Gerais. O gin da Don Luchesi tem 43% de concentração de álcool, o que garante ainda mais frescor e leveza à bebida, bem ao estilo mineiro de ser.

Ao comentar você concorda com os Termos de Uso. Os comentários não representam a opinião do portal Diário do Comércio. A responsabilidade sob qualquer informação divulgada é do autor da mensagem.

COMPARTILHE

NEWSLETTER

Fique por dentro de tudo que acontece no cenário economico do Estado

CONTEÚDO RELACIONADO

OUTROS CONTEÚDOS

PRODUZIDO EM

MINAS GERAIS

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram

Comunicar erro

Identificou algo e gostaria de compartilhar com a nossa equipe?
Utilize o formulário abaixo!