COTAÇÃO DE 27/05/2022

DÓLAR COMERCIAL

COMPRA: R$4,7380

VENDA: R$4,7380

DÓLAR TURISMO

COMPRA: R$4,8300

VENDA: R$4,9460

EURO

COMPRA: R$5,0781

VENDA: R$5,0797

OURO NY

U$1.853,86

OURO BM&F (g)

R$284,80 (g)

BOVESPA

+0,05

POUPANÇA

0,6462%

OFERECIMENTO

Negócios Negócios-destaque

Fintech disponibiliza crédito consignado pelo WhatsApp

COMPARTILHE

Paketá Crédito permite simulação e contratação de empréstimo a funcionários CLT de empresas pelo aplicativo de mensagens | Crédito: Divulgação

A Paketá Crédito, fintech que oferece uma plataforma digital para concessão de crédito consignado privado aliado à educação financeira, disponibiliza aos funcionários CLT de empresas a contratação de empréstimo on-line via WhatsApp.

Por meio do app de comunicação instantânea, os colaboradores das empresas conveniadas à fintech podem solicitar informações, simular e contratar o crédito. A nova funcionalidade conta com um robô de atendimento para guiar o cliente durante a interação.

PUBLICIDADE




O próximo passo da Paketá Crédito é incluir no WhatsApp o recurso de voz, que permitirá às pessoas interagir com o robô de atendimento gravando mensagens de áudio.

Na plataforma da Paketá, os funcionários que solicitam o crédito, seja pelo aplicativo ou pelo WhatsApp, tem sua solicitação liberada em até 24 horas. Todo o processo é feito on-line e o crédito é descontado direto da folha de pagamento do funcionário.

O valor das parcelas fixas não ultrapassa 30% do salário líquido, não prejudicando, assim, a renda mensal do colaborador. O prazo para o pagamento da quantia solicitada pode chegar até 60 meses.

Para a fintech, as vantagens do consignado privado são a praticidade para contratação e suas taxas de juros. “Entre as modalidades de crédito, o consignado privado é interessante porque oferece taxas de juros mais atrativas do que o cheque especial e o cartão de crédito e empréstimo pessoal”, explica Fabian Valverde, sócio da Paketá Crédito.

PUBLICIDADE




Enquanto a taxa cobrada por um consignado, em média, vai de 1,5% a 4,5% ao mês, o cheque especial e o rotativo do cartão de crédito praticam taxas mensais que podem chegar a mais de 24% e 16%, respectivamente.

“Como o valor das prestações é descontado no contracheque dos funcionários CLT, essa modalidade oferece menos risco à instituição que financia o empréstimo e, por consequência, os juros ao consumidor são menores”, destaca Valverde.

A fintech conta com um fundo de investimento com mais de R$ 100 milhões em capital para ser emprestado. A meta é disponibilizar R$ 1 bilhão nos próximos cinco anos.

Crédito com educação financeira

Além de oferecer crédito, o diferencial da fintech é o conteúdo interativo sobre educação financeira. O objetivo é ajudar os colaboradores em suas jornadas individuais de planejamento financeiro para sanar dívidas, poupar, investir e realizar seus desejos de consumo de forma responsável.

“Oferecemos conteúdo personalizado, de acordo com o perfil e momento da vida financeira de cada funcionário”, explica Valverde.

O executivo ressalta que nos próximos meses a Paketá fará parcerias com empresas de investimento para permitir a realização de aplicações pelo próprio aplicativo.

Ao comentar você concorda com os Termos de Uso. Os comentários não representam a opinião do portal Diário do Comércio. A responsabilidade sob qualquer informação divulgada é do autor da mensagem.

COMPARTILHE

NEWSLETTER

Fique por dentro de tudo que acontece no cenário economico do Estado

OUTROS CONTEÚDOS

Comunicar erro

Identificou algo e gostaria de compartilhar com a nossa equipe?
Utilize o formulário abaixo!