COTAÇÃO DE 16 A 18/10/2021

DÓLAR COMERCIAL

COMPRA: R$5,4540

VENDA: R$5,4540

DÓLAR TURISMO

COMPRA: R$5,4700

VENDA: R$5,6130

EURO

COMPRA: R$6,3181

VENDA: R$6,3210

OURO NY

U$1.767,23

OURO BM&F (g)

R$309,68 (g)

BOVESPA

+1,29

POUPANÇA

0,3575%

OFERECIMENTO

INFORMAÇÕES DO DOLAR

Opinião Opinião-destaque

EDITORIAL | Bons resultados vêm do campo

COMPARTILHE

Crédito: Divulgação

Em tempos de tantas e tamanhas incertezas, gerando preocupações das quais cotidianamente nos ocupamos neste espaço, alertando e tanto quanto possível sugerindo caminhos, é preciso saber enxergar também o que existe de positivo.

No caso brasileiro – e muito especialmente mineiro – esse olhar se volta obrigatoriamente para o campo, onde os resultados têm significado, já como regra, recorde sobre recorde, colocando o País bem próximo da liderança mundial na produção de alimentos.

PUBLICIDADE

A soma de fatores naturais favoráveis combinados com planejamento, gestão e alta tecnologia, explicam porque o País foi capaz, em pouco mais de trinta anos, dar o salto que deu, experiência que ao mesmo tempo deveria ser parâmetro para realizações possíveis em outras esferas.

Para o ano corrente já se sabe que o Produto Interno Bruto (PIB), que representa a soma de todas as atividades econômicas, sofrerá queda que poderá chegar aos 10%, o pior resultado em cem anos. Não será o caso do PIB do campo, mais apropriadamente chamado de Valor Bruto da Produção Agropecuária (VBP), que deverá somar R$ 742,4 bilhões, ou R$ 68,2 bilhões na comparação com 2019, o que coincidentemente corresponde a ganho positivo de 10,1%. Em Minas Gerais, conforme já publicado neste jornal, os resultados serão ainda melhores, com o VBP devendo crescer, segundo dados do Ministério da Agricultura compilados até o mês de julho, 18,1%, índice de padrão chinês e equivalente a R$ 78,53 bilhões, ganho de R$ 12,1 bilhões sobre o período anterior.

Sim, é para comemorar e comemorar muito a conjunção de fatores favoráveis que, no caso do Estado, incluem o desempenho excepcional do café, a valorização dos preços e o fator cambial, o que em termos práticos resultara que apenas o VBP agrícola apresentara variação positiva de 20,2%. Comemorar, aplaudir e, sobretudo, entendendo o potencial do agronegócio, dar o melhor suporte às atividades no campo, lembrando, sobretudo, que os produtores não se cansam de dizer que seu negócio vai muito bem dentro das porteiras e não tão bem do lado de fora.

Estamos falando das condições e custos do armazenamento e movimentação da produção, da oferta de crédito e de assistência que, melhoradas, colocariam o País mais perto de alcançar a posição de primeiro produtor mundial de alimentos, com uma renda que, conforme apontou recentemente o ex-ministro Alysson Paolinelli, em poucos anos poderá chegar a inacreditáveis U$ 1 trilhão/ano.

Ao comentar você concorda com os Termos de Uso. Os comentários não representam a opinião do portal Diário do Comércio. A responsabilidade sob qualquer informação divulgada é do autor da mensagem.

COMPARTILHE

NEWSLETTER

Fique por dentro de tudo que acontece no cenário economico do Estado

OUTROS CONTEÚDOS

PRODUZIDO EM

MINAS GERAIS

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram

Comunicar erro

Identificou algo e gostaria de compartilhar com a nossa equipe?
Utilize o formulário abaixo!