COTAÇÃO DE 15/01/2021

DÓLAR COMERCIAL

COMPRA: R$5,3032

VENDA: R$5,3042

DÓLAR TURISMO

COMPRA: R$5,3300

VENDA: R$5,4530

EURO

COMPRA: R$6,3735

VENDA: R$6,3752

OURO NY

U$1.825,72

OURO BM&F (g)

R$309,68 (g)

BOVESPA

+1,27

POUPANÇA

0,1159%

OFERECIMENTO

Mercantil do Brasil - ADS

INFORMAÇÕES DO DOLAR

Opinião Opinião-destaque

Pronampe: o que avaliar antes de solicitar

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Crédito: Public Domain Pictures/Pixabay

Rodrigo Ribeiro*

A economia brasileira tem enfrentado seu pior cenário dos últimos anos. A pandemia de coronavírus e o período de quarentena podem, segundo o Banco Central, reduzir em mais de 6% o PIB (Produto Interno Bruto) do Brasil em 2020.

Como opção às pequenas e médias empresas, o governo brasileiro anunciou o Pronampe (Programa Nacional de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte), com créditos atrativos e condições de pagamento bastante viáveis.

A proposta é que o programa de contingência dê condições para que micro e pequenas empresas e micro empreendedores individuais (MEI) possam se manter em funcionamento, com crédito extra para investimento em equipamentos, reformas, despesas operacionais ou capital de giro.

O recurso, vedado à utilização como lucro a sócios, tem condição diferenciada de pagamento, bastante atrativa em comparação às linhas de financiamento até então disponíveis, com taxa de juros máxima da Selic e adicional de 1,25% ao ano. A carência é de 8 meses e o prazo para pagamento é de 36 meses no total.

Ao pequeno empresário que vê nesta opção uma saída interessante para a manutenção da operação, cabe lembrar que a exigência principal é que o número de colaboradores mantenha-se o mesmo da data de publicação da Lei nº 13.999/2020, dia 18 de maio, que rege o programa. O número deve manter-se por até 60 dias após o recebimento da última parcela do financiamento.

A ideia é que o empresário certifique-se de garantir o mesmo número de profissionais em sua equipe, com possibilidade de demitir ou contratar neste período, mas mantendo o mesmo número total de colaboradores.

É válido notar que, caso o empregador forneça um número incorreto de funcionários, poderá arcar com o vencimento antecipado de sua dívida, o que, obviamente, tornaria a tomada deste empréstimo bem menos interessante.

O programa não solicita comprovações adicionais para liberação, mas exige como garantia pessoal por parte do tomador do crédito o mesmo valor solicitado, que pode chegar a 30% da receita bruta anual do exercício 2019, em bens pessoais, com acréscimo de encargos.

As empresas que possuem menos de 12 meses de atividade poderão requerer até 50% de seu capital social declarado em contrato ou até 30% da média de faturamento apurado desde o início de sua operação, cabendo à empresa fazer a avaliação da melhor via. A essas empresas, é solicitado ainda uma garantia pessoal que pode chegar a 150% do valor todo crédito.

Antes de optar pelo financiamento do Pronampe, avalie. Desde a projeção do negócio a perspectivas para os próximos meses, antes de solicitar o valor. É importante planejar os próximos passos da empresa, a fim de que ela mantenha-se lucrativa, com a mesma equipe. Também é importante avaliar os bens do empresário que serão lançados como garantia pessoal do empréstimo.

Planeje cuidadosamente o valor final que faria sentido ao giro do negócio pelo período em que o empresário ficará atrelado ao pagamento do empréstimo. Analise se é possível manter o mesmo número de funcionários, pois este é um ponto essencial para a obtenção do crédito.

Um tópico que pode contribuir substancialmente para este planejamento é a revisão de preços de produtos e serviços. É necessário avaliar despesas fixas e custos, além de margem de lucro e demais variáveis a fim de formar um preço viável ao cliente e ao giro da empresa.

Por fim, planeje o fluxo de caixa com profundidade e, para isso, é possível contar com o apoio da contabilidade. Avalie como o valor contratado será utilizado e qual a estimativa para recebimento destes investimentos em lucros, nos meses futuros. Afinal, o total da parcela mensal deverá passar a figurar em seu quadro de despesas mensais.

Em linhas gerais, o programa é realmente uma excelente opção ao empreendedor, mas caberá a este o planejamento e o desenvolvimento de ações que lhe permitam quitar com as obrigações da contratação.

*Diretor do Grupo Atai

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

NEWSLETTER

Fique por dentro de tudo que acontece no cenário economico do Estado

Ao comentar você concorda com os Termos de Uso. Os comentários não representam a opinião do portal Diário do Comércio. A responsabilidade sob qualquer informação divulgada é do autor da mensagem.

VEJA TAMBÉM

OUTROS CONTEÚDOS

PRODUZIDO EM

MINAS GERAIS

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram

Comunicar erro

Identificou algo e gostaria de compartilhar com a nossa equipe?
Utilize o formulário abaixo!