COTAÇÃO DE 22/09/2021

DÓLAR COMERCIAL

COMPRA: R$5,3030

VENDA: R$5,3040

DÓLAR TURISMO

COMPRA: R$5,3100

VENDA: R$5,4600

EURO

COMPRA: R$6,1939

VENDA: R$6,1967

OURO NY

U$1.768,10

OURO BM&F (g)

R$301,58 (g)

BOVESPA

+1,84

POUPANÇA

0,3012%

OFERECIMENTO

INFORMAÇÕES DO DOLAR

Política
Crédito: Henrique Chendes/ALMG

A Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) vai ampliar para as comissões parlamentares a realização de reuniões remotas, a partir de segunda-feira (1º).

Até o momento, apenas o Plenário vinha funcionando de forma remota, adotando cuidados e regras de isolamento social que visam conter a disseminação da pandemia de Covid-19, causada pelo novo coronavírus.

PUBLICIDADE

A ampliação das atividades para as comissões também seguirá regras específicas, definidas pela Mesa e Colégio de Líderes, por meio da Deliberação da Mesa 2.746, de 2020. As normas se baseiam em estudos de segurança sanitária e distanciamento social.

Presidentes ou vice-presidentes das comissões participarão presencialmente das reuniões. Deputados membros e convidados participarão remotamente. Serão até dez audiências públicas ou com convidados por semana, concentradas às segundas-feiras, terças e sextas.

As audiências ocorrerão sempre no Auditório José Alencar ou no Plenarinho IV, observadas as medidas necessárias à preservação da saúde de deputados, servidores da ALMG e convidados. Fica mantida a proibição de entrada de público externo, salvo exceções já previstas quanto à imprensa e convidados.

O uso de máscara facial torna-se obrigatório para entrada na Assembleia e permanência em suas dependências, a partir de agora. Outra condição de acesso é estar com a temperatura corporal inferior a 37,8º C. A medição será feita e, em caso de resultado superior a esse índice, a pessoa receberá orientações sobre procedimentos a serem adotados.

Diretrizes – Entre outros pontos, a ampliação das atividades da Assembleia levou em conta a necessidade de análise, também pelas comissões, do Projeto de Lei (PL) 1.966/20, que dispõe sobre as diretrizes para a elaboração e a execução da lei orçamentária para o exercício de 2021.

Ao anunciar as novas medidas, o presidente da Assembleia, deputado Agostinho Patrus (PV), destacou a importância da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) nesse momento de crise.

Também foi considerado que, desde o início da pandemia, o trabalho remoto vem sendo feito com êxito no Plenário. Entre 25 de março e 21 de maio de 2020, foram aprovadas 52 proposições voltadas para o enfrentamento do coronavírus, incluindo 31 projetos de lei (PLs), 20 projetos de resolução (PREs) e um projeto de lei complementar (PLC).

Na segunda-feira, estão agendadas duas reuniões com convidados e duas audiências públicas. Em nenhum desses casos haverá presença de público. O primeiro evento do dia é uma reunião com convidados da Comissão de Administração Pública, às 9 horas, no Auditório José Alencar. Deverão participar, de forma remota, o secretário de Estado de Planejamento e Gestão, Otto Levy Reis, e o secretário-geral de Governo, Mateus Simões de Almeida. (Com informações da ALMG)

Ao comentar você concorda com os Termos de Uso. Os comentários não representam a opinião do portal Diário do Comércio. A responsabilidade sob qualquer informação divulgada é do autor da mensagem.

COMPARTILHE

NEWSLETTER

Fique por dentro de tudo que acontece no cenário economico do Estado

OUTROS CONTEÚDOS

PRODUZIDO EM

MINAS GERAIS

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram

Comunicar erro

Identificou algo e gostaria de compartilhar com a nossa equipe?
Utilize o formulário abaixo!