Aos finais de semana e feriados, apenas turistas com reservas podem ter acesso ao distrito | Crédito: Divulgação/Move

O mais recente levantamento da plataforma Booking.com revelou que Monte Verde (Sul de Minas Gerais) foi um dos destinos do País mais buscados por brasileiros na última semana de agosto. O distrito ficou em sétimo lugar, logo atrás de Campos do Jordão (SP), Rio de Janeiro (RJ), Porto de Galinhas (PE), Ubatuba (SP), Gramado (RS) e São Paulo (SP), respectivamente. Os dados, que correspondem às buscas, e não às reservas realizadas, foram obtidos a partir da análise entre os dias 24/08 e 30/08 de 2020.

Para a presidente da Agência de Desenvolvimento de Monte Verde e Região (Move), Rebecca Wagner, a pesquisa e o bom posicionamento de Monte Verde são reflexos do trabalho realizado para manter o distrito seguro e atrativo.

“Estamos atuando sem medir esforços para que a retomada do turismo em Monte Verde seja da maneira mais consciente possível, seguindo todas as regras sanitárias. Além disso, há uma série de atrativos, como contato com a natureza e atividades ao ar livre que são muito convidativos. Ficamos felizes que os brasileiros já estão pensando nos próximos destinos que visitarão e pensaram em Monte Verde”, afirma Rebecca Wagner.

Desde 4 de junho, os mais de 150 hotéis e pousadas de Monte Verde e região voltaram a funcionar. Atualmente, de acordo com o novo decreto da Prefeitura de Camanducaia (nº 162/2020), publicado no dia 11 de agosto, as hospedagens estão operando com 50% da capacidade total de unidades habitacionais, respeitando, assim, o período em que a cidade permanecerá em “alerta” para os casos de Covid-19. Áreas de lazer, como piscinas, saunas, quadras esportivas e playground, porém, permanecem fechadas. Atividades com até duas pessoas, como quadra esportiva para tênis, estão permitidas.

Desde o dia 1º de junho, também com restrições, atividades de outros segmentos também voltaram a funcionar, como bares, restaurantes, lojas, academias e salões de beleza. Monte Verde abriga, de acordo com a Prefeitura de Camanducaia, mais de 50 restaurantes, bares e similares. Aos finais de semana e feriados, apenas turistas com reservas antecipadas podem ter acesso ao distrito.