COTAÇÃO DE 20-01-2022

DÓLAR COMERCIAL

COMPRA: R$5,4160

VENDA: R$5,4170

DÓLAR TURISMO

COMPRA: R$5,4470

VENDA: R$5,5770

EURO

COMPRA: R$6,1450

VENDA: R$6,1478

OURO NY

U$1.837,83

OURO BM&F (g)

R$321,61 (g)

BOVESPA

+1,01

POUPANÇA

0,6340%%

OFERECIMENTO

INFORMAÇÕES DO DOLAR

Agronegócio

Vinhos produzidos com tecnologia da Epamig são premiados

COMPARTILHE

" "
CRÉDITO: DIVULGAÇÃO

O Top 5 Syrah Wines of Brazil Awards 2019, premiou, no mês de setembro, três vinhos produzidos com tecnologia Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (Epamig), vinculada à Secretaria de Estado da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa). O Wines of Brazil Awards consagra os melhores vinhos do País em várias categorias e campo de atuação. O concurso, que acontece no Rio de Janeiro, tem se tornado uma competição tradicional no país.

Entre os premiados estão Guaspari Syrah Vista da Serra 2016, Casa Geraldo Colheita de Inverno Syrah 2017 e Maria Maria Diana Syrah 2017. Os vinhos da Casa Geraldo e Guaspari são produzidos em vinícola própria. Já as uvas dos vinhos Maria Maria são plantadas na cidade de Três Pontas, região Sul de Minas Gerais, e o processamento é feito na vinícola Experimental da Epamig, em Caldas.

PUBLICIDADE




“Em 2005, quando ainda não tínhamos conhecimento da dupla poda, importamos as mudas da variedade Syrah e sempre a conduzimos no verão, estação difícil de colher uvas sãs e doces. Já em 2013, realizamos a inversão do ciclo, obtendo bons resultados de qualidade da uva”, conta o responsável pelos parreirais da Casa Geraldo.

“Seguimos plantando a variedade Sauvignon Blanc, e em 2016 tivemos a primeira safra. A uva de inverno conquistou espaço na fazenda. Com a tecnologia, alcançamos muitos prêmios, só em 2019 já foram 18 vinhos de inverno premiados” destaca.

Dupla poda – A dupla poda consiste na inversão do ciclo produtivo da videira, que altera para o inverno o período de colheita das uvas destinadas à produção de vinhos finos. São feitas duas podas anuais e colheita apenas no inverno. A uva tinta Syrah foi a que mais se adequou à técnica, resultado de um trabalho de pesquisas de mais de 20 anos, desenvolvidas pela Epamig, com apoio da Fapemig e outros órgãos de fomento, que aperfeiçoou a qualidade dos vinhos finos produzidos no Brasil em propriedades no Sul de Minas, Rio de Janeiro e São Paulo. (Agência Minas)

Ao comentar você concorda com os Termos de Uso. Os comentários não representam a opinião do portal Diário do Comércio. A responsabilidade sob qualquer informação divulgada é do autor da mensagem.

COMPARTILHE

NEWSLETTER

Fique por dentro de tudo que acontece no cenário economico do Estado

CONTEÚDO RELACIONADO

OUTROS CONTEÚDOS

Comunicar erro

Identificou algo e gostaria de compartilhar com a nossa equipe?
Utilize o formulário abaixo!