COTAÇÃO DE 17/01/2022

DÓLAR COMERCIAL

COMPRA: R$5,5260

VENDA: R$5,5270

DÓLAR TURISMO

COMPRA: R$5,5470

VENDA: R$5,6800

EURO

COMPRA: R$6,2770

VENDA: R$6,2799

OURO NY

U$1.819,25

OURO BM&F (g)

R$321,94 (g)

BOVESPA

-0,52

POUPANÇA

0,5751%%

OFERECIMENTO

INFORMAÇÕES DO DOLAR

Coronavírus

Estado conclui nesta 2ª feira distribuição de vacinas da 12ª remessa

COMPARTILHE

" "
Doses de vacinas recebidas por Minas | Crédito: Ingrid Vasconcelos/ Governo de MG

Minas Gerais dá continuidade, nesta segunda-feira, à distribuição para as Unidades Regionais de Saúde (URSs) das 478.150 doses de imunizantes enviadas pelo Ministério da Saúde ao Estado na última quinta-feira. Deste total, 197.390 já foram retiradas pelas regionais de Sete Lagoas, Divinópolis, Itabira, Coronel Fabriciano e Secretaria Municipal de Saúde de BH na Rede de Frio da Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG).

O restante do quantitativo começou a ser enviado, do Aeroporto da Pampulha, a partir das 8h desta segunda-feira. A previsão é a de que até as 14h todas as doses já tenham sido entregues às Unidades Regionais para posterior distribuição aos municípios, nesta que é a maior operação de vacinação da história de Minas Gerais.

PUBLICIDADE




A logística conta com apoio das Forças de Segurança do Estado, com a disponibilização das aeronaves do Batalhão de Operações Aéreas (BOA) do Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais (CBMMG) e efetivo terrestre da Polícia Militar de Minas Gerais (PMMG) atuando no transporte e escolta dos insumos, de modo a garantir agilidade e segurança à operação.

“A secretaria orienta os municípios conforme é preconizado pelo Ministério da Saúde, por meio do Programa Nacional de Imunização (PNI): desde a 8ª remessa, não se faz mais o armazenamento da D2 (segunda dose) na Unidade Regional. Todas as doses são entregues aos municípios para a continuidade de suas campanhas de vacinação”, explica a coordenadora de Imunização da SES-MG, Josianne Gusmão.

Públicos prioritários

A atual remessa – 257.750 doses da AstraZeneca e 220.400 da Coronavac – irá proporcionar a distribuição da segunda dose (D2) relativa ao esquema vacinal dos trabalhadores da Saúde (30,7%) e da população de 70 a 74 anos (22%). E, ainda, a continuidade de aplicação da primeira dose (D1) dos grupos de 65 a 69 anos e dos integrantes das Forças de Segurança e Salvamento.

Ao comentar você concorda com os Termos de Uso. Os comentários não representam a opinião do portal Diário do Comércio. A responsabilidade sob qualquer informação divulgada é do autor da mensagem.

COMPARTILHE

NEWSLETTER

Fique por dentro de tudo que acontece no cenário economico do Estado

CONTEÚDO RELACIONADO

OUTROS CONTEÚDOS

Comunicar erro

Identificou algo e gostaria de compartilhar com a nossa equipe?
Utilize o formulário abaixo!