Crédito: Ronaldo Guimarães/Divulgação

A Anglo American e o governo do Estado de Minas Gerais, por intermédio da Secretaria de Estado de Infraestrutura e Mobilidade (Seinfra) e do Departamento de Edificações e Estradas de Rodagem de Minas Gerais (DEER-MG), assinaram ontem convênio para obras de pavimentação da rodovia MG-010 entre Conceição do Mato Dentro e Serro. Serão investidos aproximadamente R$ 55 milhões para asfaltar 26,5 quilômetros, trazendo maior segurança e conforto para a população da região, principalmente para os moradores de Conceição do Mato Dentro, Dom Joaquim, Alvorada de Minas e Serro.

O aporte da Anglo American para a obra será de R$ 40 milhões, sendo R$ 30 milhões para a execução e R$ 10 milhões em insumos adicionais. Já o Estado investirá R$ 15 milhões, dos quais R$ 10 milhões serão destinados à execução da obra e R$ 5 milhões em insumos adicionais. Desde 2012, o governo de Minas Gerais e a Anglo American já investiram mais de R$ 84 milhões na pavimentação de 23,8 quilômetros em dois trechos da rodovia MG-010.

“Esse compromisso se soma à diversas obras de infraestrutura realizadas pela Anglo American na região, reafirmando nosso propósito de reimaginar a mineração para melhorar a vida das pessoas e reforçando nossa parceria e a atuação integrada com o Estado e os municípios da região”, explica o presidente da Anglo American Brasil, Wilfred Bruijn. “Essa parceria entre os setores públicos e privado reflete nosso compromisso com o desenvolvimento sustentável da região onde operamos e com investimentos visando a trazer melhorias para as comunidades que nos hospedam”, completa.

Para o secretário de Estado de Infraestrutura e Mobilidade, Marco Aurélio Barcelos, a assinatura do terceiro aditivo representa uma importante obra para a região e um exemplo do trabalho conjunto do Estado com a iniciativa privada em um momento de ajuste orçamentário. “Todas as obras do Estado estão paralisadas, tanto edificações quanto em rodovias, e este trecho da MG-010 entre Conceição do Mato Dentro e Serro será nossa primeira obra rodoviária este ano”, afirma. (Com informações da Anglo American)