COTAÇÃO DE 25/05/2022

DÓLAR COMERCIAL

COMPRA: R$4,8200

VENDA: R$4,8210

DÓLAR TURISMO

COMPRA: R$4,8900

VENDA: R$5,0160

EURO

COMPRA: R$5,1520

VENDA: R$5,1546

OURO NY

U$1.853,68

OURO BM&F (g)

R$287,13 (g)

BOVESPA

-0,98

POUPANÇA

0,6724%

OFERECIMENTO

Economia

Base do PF, arroz com feijão aumenta mais de 60% em 12 meses no País

Reajuste ficou dez vezes acima da inflação média apurada pelo IPC/FGV (6,1%) para o mesmo período

COMPARTILHE

Crédito: Antônio Cruz

O arroz com feijão, a base do prato feito do brasileiro, aumentou mais de 60% nos últimos 12 meses, de acordo com levantamento do FGV Ibre. O reajuste ficou dez vezes acima da inflação média apurada pelo IPC/FGV (6,1%). O arroz subiu (60,8%), no período pesquisado, e o feijão quase nove pontos percentuais a mais (69,1%).

Quando outros alimentos são incluídos, a cesta do prato feito (composta por dez itens) apresenta variação média de 23,2%. É quase o dobro de todo o grupo Alimentação do IPC/FGV (11,8%), que engloba os gêneros alimentícios (alimentos comprados no mercado) e a alimentação fora de casa (em bares e restaurantes).

PUBLICIDADE




Dentro da cesta do prato feito, vale destacar o aumento para as proteínas: carnes bovinas (27,2%), frango (13,9%) e ovos (10%). Entre os alimentos in natura, as maiores altas foram da cebola (41,1%) e da batata (19,4%). O único produto que baixou de preço foi o tomate, com queda de 24,6%.

O pesquisador do FGV IBRE Matheus Peçanha avalia que a escalada de preços foi acentuada nos últimos anos com a desvalorização do real frente ao dólar. “Esse movimento do câmbio induz um aumento nas exportações, sobretudo dos cereais e das carnes, favorecendo a redução da oferta interna e pressionando os preços”.

Esse cenário tornou-se mais crítico, segundo o pesquisador, com a pandemia, que fortaleceu a demanda por gêneros alimentícios, contribuindo para o aumento de preços também pelo lado da demanda.

Ao comentar você concorda com os Termos de Uso. Os comentários não representam a opinião do portal Diário do Comércio. A responsabilidade sob qualquer informação divulgada é do autor da mensagem.

COMPARTILHE

NEWSLETTER

Fique por dentro de tudo que acontece no cenário economico do Estado

OUTROS CONTEÚDOS

Comunicar erro

Identificou algo e gostaria de compartilhar com a nossa equipe?
Utilize o formulário abaixo!