COTAÇÃO DE 24/09/2021

DÓLAR COMERCIAL

COMPRA: R$5,3430

VENDA: R$5,3440

DÓLAR TURISMO

COMPRA: R$5,3800

VENDA: R$5,5030

EURO

COMPRA: R$6,2581

VENDA: R$6,2594

OURO NY

U$1.750,87

OURO BM&F (g)

R$301,00 (g)

BOVESPA

-0,69

POUPANÇA

0,3012%

OFERECIMENTO

INFORMAÇÕES DO DOLAR

Economia Economia-destaque
Produção brasileira de aço bruto totalizou 25,1 milhões de toneladas no acumulado até outubro de 2020, queda de 8,5% | Crédito: DIVULGAÇÃO/Instituto Aço Brasil

A produção brasileira de aço bruto foi de 25,1 milhões de toneladas no acumulado até outubro de 2020, o que representa uma queda de 8,5% frente ao mesmo período do ano anterior. A produção de laminados no mesmo período foi de 17,6 milhões de toneladas, queda de 8,3% em relação ao registrado no mesmo acumulado de 2019.

A produção de semiacabados para vendas totalizou 6,5 milhões de toneladas de janeiro a outubro de 2020, uma retração de 9,7% na mesma base de comparação (devido a uma perda que ocorre durante o processo produtivo do aço, a soma da produção de laminados e semiacabados para vendas não equivale ao total da produção de aço bruto).

PUBLICIDADE

As vendas internas foram de 15,6 milhões de toneladas de janeiro a outubro de 2020, o que representa uma retração de 1,0% quando comparada com o apurado em igual período do ano anterior.

O consumo aparente nacional de produtos siderúrgicos foi de 17,2 milhões de toneladas no acumulado até outubro de 2020. Este resultado representa uma queda de 2,9% frente ao registrado no mesmo período de 2019.

As importações alcançaram 1,6 milhão de toneladas no acumulado até outubro de 2020, uma queda de 22,8% frente ao mesmo período do ano anterior. Em valor, as importações atingiram US$ 1,7 bilhão e recuaram 19,2% no mesmo período de comparação.

As exportações atingiram 9,5 milhões de toneladas, ou US$ 4,6 bilhões, de janeiro a outubro de 2020. Esses valores representam, respectivamente, retração de 11,6% e de 26,1% na comparação com o mesmo período de 2019.

Outubro – Em outubro de 2020 a produção brasileira de aço bruto foi de 2,8 milhões de toneladas, um aumento de 3,5% frente ao apurado no mesmo mês de 2019. Já a produção de laminados foi de 2,1 milhões de toneladas, 12,6% superior à registrada em outubro de 2019. A produção de semiacabados para vendas foi de 610 mil toneladas, uma redução de 1,4% em relação ao ocorrido no mesmo mês de 2019.

As vendas internas cresceram 16,7% frente a outubro de 2019 e atingiram 1,9 milhão de toneladas. O consumo aparente de produtos siderúrgicos foi de 2,1 milhões de toneladas, 11,2% superior ao apurado no mesmo período de 2019.

As exportações de outubro foram de 842 mil toneladas, ou US$ 416 milhões, o que resultou em queda de 26,4% e 31,1%, respectivamente, na comparação com o ocorrido no mesmo mês de 2019.

As importações de outubro de 2020 foram de 163 mil toneladas e US$ 164 milhões, uma queda de 22,5% em quantum e 25,0% em valor na comparação com o registrado em outubro de 2019.

 

Ao comentar você concorda com os Termos de Uso. Os comentários não representam a opinião do portal Diário do Comércio. A responsabilidade sob qualquer informação divulgada é do autor da mensagem.

COMPARTILHE

NEWSLETTER

Fique por dentro de tudo que acontece no cenário economico do Estado

OUTROS CONTEÚDOS

PRODUZIDO EM

MINAS GERAIS

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram

Comunicar erro

Identificou algo e gostaria de compartilhar com a nossa equipe?
Utilize o formulário abaixo!