Trabalhamos entendendo, primeiro, as demandas de cada equipe, afirma Lacerda - Crédito: Divulgação

Especializada em soluções para promoção do bem-estar integral dos colaboradores em ambientes corporativos, a empresa mineira Beecorp completa 10 anos em meio a uma escalada de crescimento. Nos últimos quatros anos, a companhia triplicou seu faturamento ano a ano e a meta é fechar 2019 com receita de R$ 25 milhões.

Com unidades no bairro Funcionários, na região Centro-Sul da Capital, e em São Paulo, a Beecorp tem cerca de 1.000 clientes ativos entre grandes companhias, como General Motors, Toyota, Itaú, Localiza, Unimed e McDonald’s. De acordo com o CEO da empresa, Felipe Lacerda, o grande diferencial dos serviços da Beecorp é que eles são ofertados dentro de uma lógica de gestão integrada de saúde.

“O colaborador não pode ser visto de forma fatiada, dividido por áreas. O trabalho de promoção de saúde tem que ser integral e, por isso, trabalhamos entendendo, primeiro, as demandas de cada equipe. Analisamos como os colaboradores usam o plano de saúde, quais suas principais necessidades e apresentamos soluções que ajudam na prevenção e a reduzir sinistros médicos e ausência por questões de saúde”, diz.

Como exemplo, o CEO cita o caso de uma empresa que tem muitos funcionários se consultando com problemas na coluna. Ao fazer esse diagnóstico, a Beecorp pode propor um projeto de ergonomia para a equipe. Outra situação pode ser a de uma empresa cujos colaboradores estão constantemente no pronto-socorro. Uma possível solução seria internalizar um ambulatório e oferecer o serviço de atenção primária.

Lacerda lembra que a promoção da saúde e do bem-estar dos funcionários leva a um ganho direto de produtividade nas empresas. Segundo ele, por meio do trabalho da Beecorp, as empresas chegam a reduzir em até 15% os sinistros médicos, em até 20% a rotatividade de funcionários e em até 30% o absenteísmo.

As soluções propostas pela empresa são baseadas em três pilares, sendo o primeiro o de qualidade de vida no trabalho. Ele inclui ações como ginástica laboral, massagem, acompanhamento nutricional, programa de saúde mental e academia corporativa. O segundo pilar é o de ergonomia, que consiste na análise do ambiente e assessoria completa no assunto. O terceiro pilar é de promoção da saúde e inclui serviços como gestão de ambulatório, gestão de doentes crônicos e fisioterapias inCompany.

Lacerda afirma que a demanda pelas soluções da Beecorp cresceram muito nos últimos anos. Ele acredita que isso tem a ver com um amadurecimento das empresas, que passaram a dar valor à promoção da saúde.

“O que as empresas ofereciam como benefício era o plano de saúde, que trata a doença, mas não promove a saúde. Quando os gestores perceberam que o custo disso ficou alto entenderam que precisavam partir para algo diferente: a promoção de saúde e da qualidade de vida. Pessoas que têm hábitos alimentares saudáveis, que dormem bem e têm um bom convívio social produzem mais e custam menos para a empresa”, diz.