COTAÇÃO DE 26/07/2021

DÓLAR COMERCIAL

COMPRA: R$5,1740

VENDA: R$5,1740

DÓLAR TURISMO

COMPRA: R$5,1630

VENDA: R$5,3400

EURO

COMPRA: R$6,1233

VENDA: R$6,1261

OURO NY

U$1.797,46

OURO BM&F (g)

R$299,92 (g)

BOVESPA

+0,76

POUPANÇA

0,2446%

OFERECIMENTO

INFORMAÇÕES DO DOLAR

livre Negócios Negócios-destaque

Mercado de cosméticos halal pode chegar a US$ 52 bilhões até 2025

COMPARTILHE

Crédito: Divulgação

O mercado da beleza tem crescido constantemente não só no Brasil como no mundo. Um nicho, no entanto, talvez ainda seja desconhecido por muitas empresas.

O halal (que significa ‘lícito’ ou ‘permitido’), é uma certificação exigida para o consumo dos muçulmanos. De acordo com pesquisa realizada pela Grand View Research em 2019, a previsão é de que este mercado atinja US$ 52,02 bilhões até 2025.

PUBLICIDADE

Os produtos que possuem esta certificação são desenvolvidos de acordo com as leis islâmicas, portanto, não contém álcool nem matérias-primas derivadas de alguns animais, principalmente, do porco.

“Quando emitimos o certificado, comprovamos que aquela determinada empresa é capaz de realizar os procedimentos de acordo com os princípios e valores religiosos e com as normas internacionais de segurança relacionadas ao setor de atuação da empresa solicitante” explica o diretor-executivo da Cdial Halal, Ali Saifi.

A população islâmica, maior consumidora destes produtos, está disposta a pagar preços premium pelos produtos certificados. Uma oportunidade para as empresas brasileiras que desejam expandir suas marcas para os países do Oriente Médio e da Ásia (Malásia, Indonésia, Singapura, Paquistão, Índia e Bangladesh), o nicho conta com a presença de grandes e pequenos fabricantes em todo o mundo.

ALém disso, se um produto possui a certificação halal, significa que ele foi atestado como sendo de alta qualidade e, por conta dessa comprovação, outras comunidades estão começando a fazer uso destas mercadorias como é caso do Japão, da Coreia do Sul, da China e outros países.

“A segurança que os consumidores têm é que todos os produtos com certificação halal são rastreados em toda a cadeia. Matéria-prima, maquinários, equipamentos utilizados na produção, processos de fabricação, embalagem e distribuição de produtos. É uma garantia de qualidade e eles compram sem hesitar. O Brasil está caminhando para atender a este mercado, mas o que falta é conscientização do potencial deste mercado. A Cdial está trabalhando fortemente nesta conscientização e abrindo mercado para as empresas brasileiras”, comenta o diretor.

Ao comentar você concorda com os Termos de Uso. Os comentários não representam a opinião do portal Diário do Comércio. A responsabilidade sob qualquer informação divulgada é do autor da mensagem.

COMPARTILHE

NEWSLETTER

Fique por dentro de tudo que acontece no cenário economico do Estado

CONTEÚDO RELACIONADO

OUTROS CONTEÚDOS

PRODUZIDO EM

MINAS GERAIS

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram

Comunicar erro

Identificou algo e gostaria de compartilhar com a nossa equipe?
Utilize o formulário abaixo!