COTAÇÃO DE 18/06/2021

DÓLAR COMERCIAL

COMPRA: R$5,0680

VENDA: R$5,0690

DÓLAR TURISMO

COMPRA: R$5,0370

VENDA: R$5,2330

EURO

COMPRA: R$5,9716

VENDA: R$5,9733

OURO NY

U$1.764,31

OURO BM&F (g)

R$286,98 (g)

BOVESPA

+0,27

POUPANÇA

0,2446%

OFERECIMENTO

INFORMAÇÕES DO DOLAR

Negócios zCapa

Metha Energia busca expansão com economia na conta de luz

COMPARTILHE

Crédito: Divulgação

No momento em que empresas revisam metas e processos diante da crise econômica imposta pelo novo coronavírus (Covid-19), a startup mineira Metha Energia, sediada em Belo Horizonte, prevê avanço dos negócios e expansão na atuação ainda em 2020.

Não que a empresa esteja passando alheia às turbulências provocadas pela pandemia, pelo contrário, também precisou adequar as operações e observa desaceleração no ritmo de crescimento das receitas.

PUBLICIDADE

As informações são do sócio-fundador da Metha, Victor Soares. Segundo ele, fundada em 2017, a empresa vinha apresentando taxas de desempenho robustas e, apenas no último ano, cresceu quase nove vezes sobre 2018. Já neste exercício, mesmo diante dos desafios impostos pelo novo coronavírus, espera uma elevação de três ou quatro vezes sobre 2019.

“Já temos alguns negócios assinados apenas aguardando detalhes e conexão com nossos parceiros. Além disso, a expectativa inicial era um aumento expressivo no nível de inadimplência dos nossos clientes, em função da perda de emprego e renda, mas fomos surpreendidos e a taxa diminuiu”, revelou.

Para Soares, isso foi possível não apenas pelas campanhas realizadas pela empresa junto aos consumidores, mas também pela conscientização das pessoas quanto à necessidade de manter o fornecimento de energia em casa, uma vez que grande parte da população está trabalhando em regime de home office.

Assim, a empresa, que está presente atualmente em mais de 180 cidades mineiras, principalmente na Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH), já prepara sua expansão para o interior do Estado e para o restante do País. Conforme o executivo, em Minas Gerais, o plano engloba grandes cidades-polo como Juiz de Fora, na Zona da Mata; Montes Claros, no Norte de Minas; e Governador Valadares, no Vale do Aço. Em âmbito nacional, o objetivo é chegar a outros dois ou três estados até o primeiro trimestre do ano que vem.

“Com isso, estimamos chegar ao final de 2021 com 70 mil a 80 mil consumidores ligados em diferentes regiões, o que significará um avanço igualmente forte em nossa base de clientes. Hoje, estamos em cerca de 20 mil residências de Minas Gerais”, explicou.

Na prática, a Metha Energia possibilita a economia de até 15% na conta de energia elétrica e acesso à energia sustentável, por meio de uma plataforma totalmente digital de geração distribuída, método de comercialização regulamentado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).

Para se ter uma ideia, nos últimos meses, a demanda pelo modelo de consumo de energia cresceu 320%. O sócio-fundador acredita que o aumento da procura esteja relacionado à preocupação das pessoas com o orçamento doméstico.

“A Metha Energia injeta a energia limpa de diferentes fontes, gerada em usinas de parceiros, na rede da Cemig (Companhia Energética de Minas Gerais). Essa operação cria créditos junto à concessionária que são convertidos pela Metha em descontos de até 15% na conta de luz para consumidores residenciais. Para obter o benefício, o cliente não precisa comprar equipamentos extras nem alterar nada em sua instalação elétrica. Basta realizar um cadastro e seguir o passo a passo da adesão”, finalizou.

Blue Sol investe no conceito store in store

A Blue Sol Energia Solar, empresa pioneira no desenvolvimento de projetos, instalação de sistemas fotovoltaicos e capacitação de empreendedores e mão de obra para o setor, criou mais um modelo de negócio para expansão via franquias.

De acordo com o gestor de franquias da Blue Sol Energia Solar, Rafael Cafolla, o novo modelo foi criado para dinamizar ainda mais o processo de expansão da marca, dando à rede a possibilidade de ter mais capilaridade em cidades com até 150 mil habitantes.

Chamado “Store”, o novo modelo de negócios tem investimento total de aproximadamente R$ 68 mil. O conceito seguido é o store in store. “O objetivo é estar em locais que tenham sinergia com o conceito do nosso negócio. Além das casas de material de construção, também temos em vista espaços especializados em decoração e arquitetura”, explica Cafolla.

Neste caso, o franqueado vai investir na estrutura de uma loja de 15m². É importante que um veículo próprio esteja disponível para as atividades da franquia, assim como um bom computador para emissão de orçamentos aos clientes. Uniformes, ferramentas para instalação dos sistemas fotovoltaicos e equipamentos de proteção são itens obrigatórios.

“Vale ressaltar que a ideia da Blue Sol é que os proprietários das lojas de material de construção e decoração se tornem nossos franqueados e ampliem as soluções oferecidas em suas lojas ao abrir uma franquia da nossa marca”, analisa o executivo.

O interesse da rede é iniciar as atividades com o modelo “Store” em cidades das regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste do Brasil, com prioridade para Varginha, Passos, Uberaba, Araxá, Araras, Ourinhos, Santa Cruz do Sul, Três Lagoas e Caldas Novas. “Esperamos abrir cerca de 20 unidades desse novo modelo de franquias ainda em 2020”, revela Cafolla. Até o final de 2025, a meta é ampliar o número de unidades em aproximadamente cinco vezes, totalizando cerca de 200 franquias em operação em todo o País.

Para ser tornar franqueado Blue Sol Energia Solar, é interessante que o interessado esteja em um município de até 150 mil habitantes; tenha formação em Administração, Marketing ou Engenharia; experiência profissional como diretor ou gerente ou já tenha empreendido anteriormente.

Experiência no varejo ou em área comercial, assim como na gestão de pessoas, de negócios e na área financeira são interessantes. Também é importante a disponibilidade integral para gestão da franquia.

O franqueado faz toda a frente comercial e a instalação dos sistemas fotovoltaicos, enquanto a franqueadora Blue Sol Energia Solar desenvolve os projetos e providencia os materiais necessários para viabilizar a instalação dos sistemas.

“Acreditamos que esse novo conceito será interessante especialmente no caso de pessoas que já atuam de alguma maneira no segmento de energia solar, mas precisam de um fôlego a mais para a concretização de novos negócios”, finaliza Cafolla. (Da Redação)

Ao comentar você concorda com os Termos de Uso. Os comentários não representam a opinião do portal Diário do Comércio. A responsabilidade sob qualquer informação divulgada é do autor da mensagem.

COMPARTILHE

NEWSLETTER

Fique por dentro de tudo que acontece no cenário economico do Estado

CONTEÚDO RELACIONADO

OUTROS CONTEÚDOS

PRODUZIDO EM

MINAS GERAIS

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram

Comunicar erro

Identificou algo e gostaria de compartilhar com a nossa equipe?
Utilize o formulário abaixo!