COTAÇÃO DE 25/05/2022

DÓLAR COMERCIAL

COMPRA: R$4,8200

VENDA: R$4,8210

DÓLAR TURISMO

COMPRA: R$4,8900

VENDA: R$5,0160

EURO

COMPRA: R$5,1520

VENDA: R$5,1546

OURO NY

U$1.853,68

OURO BM&F (g)

R$287,13 (g)

BOVESPA

-0,98

POUPANÇA

0,6724%

OFERECIMENTO

Negócios Negócios-destaque

Projeto de educação financeira orienta famílias a organizar o orçamento

COMPARTILHE

As recomendações da Organização Mundial de Saúde (OMS) e do Ministério da Saúde, que indicam o distanciamento social como uma das medidas para conter o avanço da pandemia do novo coronavírus (Covid-19), trouxeram reflexos na economia e vêm demandando novas estratégias para manter as contas em dia.

Nesse cenário, a área de Economia e Inovação da Fundação Renova desenvolveu o projeto Educação Financeira, que tem como objetivo orientar a população dos territórios atingidos pelo rompimento da barragem de Fundão, a organizar as finanças pessoais. As ações começaram a ser divulgadas em junho.

PUBLICIDADE




O conteúdo oferece informações que ajudam as famílias a administrar o orçamento, além de promover o estímulo ao empreendedorismo.

As principais recomendações para a organização das finanças pessoais são divulgadas por meio de pílulas de Whatsapp e de uma cartilha digital, com dicas fornecidas pela consultoria Nautilos.

Essas orientações abrangem desde as melhores maneiras para lidar com o orçamento doméstico, como listar despesas essenciais e gastos supérfluos a fim de alcançar o equilíbrio das contas, até os alertas para evitar as armadilhas do cartão de crédito e o endividamento.

Orçamento familiar

  • Faça o levantamento de todas as despesas domésticas e as receitas – Classifique as despesas obrigatórias (moradia, água, luz, telefone, alimentação, plano de saúde, vestuário, educação e transporte) e não obrigatórias (academia, TV a cabo, lazer, presentes)
  • Controle os gastos com as despesas obrigatórias e reduza ou mesmo suspenda as despesas não obrigatórias
  • Anote as despesas diariamente, preferencialmente após cada gasto: dia, despesa e valor gasto
  • Acompanhe os gastos constantemente, para certificar-se de que está conseguindo manter o orçamento
  • Busque fontes alternativas de renda
  • Procure manter-se atualizado e procure cursos de qualificação. Nesta época de quarentena muitas instituições estão oferecendo cursos on-line, diversos deles gratuitos

Dicas para reduzir gastos em casa

  • Faça uma revisão da parte hidráulica da casa para evitar desperdício – Desligue a luz em cômodos vazios e a TV quando ninguém estiver assistindo. Desconecte da tomada aparelhos que não estão sendo usados (o relógio do micro-ondas consome energia), evite o abre-e-fecha da geladeira – Altere o plano de telefonia (fixa e celular)
  • Ao sair para fazer compras no supermercado, faça uma lista dos produtos que estão realmente faltando para evitar compra por impulso

Cartão de crédito

  • Não utilize o cartão como complemento de renda. O que você comprou no cartão neste mês vai comprometer o orçamento do próximo mês (ou dos próximos, se a compra for parcelada)
  • Sempre pague a fatura integral para evitar entrar no crédito rotativo (que tem juros que ultrapassam os 300% ao ano)

Dívidas

  • Procure se manter dentro do orçamento doméstico para evitar o endividamento
  • Caso contraia dívidas no cartão de crédito e no cheque especial, que têm as maiores taxas de juros, negocie um empréstimo pessoal com condições mais favoráveis para liquidá-las
Ao comentar você concorda com os Termos de Uso. Os comentários não representam a opinião do portal Diário do Comércio. A responsabilidade sob qualquer informação divulgada é do autor da mensagem.

COMPARTILHE

NEWSLETTER

Fique por dentro de tudo que acontece no cenário economico do Estado

OUTROS CONTEÚDOS

Comunicar erro

Identificou algo e gostaria de compartilhar com a nossa equipe?
Utilize o formulário abaixo!