COTAÇÃO DE 23 A 25/10/2021

DÓLAR COMERCIAL

COMPRA: R$5,6270

VENDA: R$5,6270

DÓLAR TURISMO

COMPRA: R$5,6730

VENDA: R$5,8030

EURO

COMPRA: R$5,6730

VENDA: R$5,6750

OURO NY

U$1.792,47

OURO BM&F (g)

R$327,87 (g)

BOVESPA

-1,34

POUPANÇA

0,3575%

OFERECIMENTO

INFORMAÇÕES DO DOLAR

Política

Lira diz haver crise no gás de cozinha e critica monopólio “absurdo” da Petrobras

COMPARTILHE

POR

Presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira, em Brasília
Presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira, em Brasília. Crédito: REUTERS/Adriano Machado

Brasília – O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), afirmou nesta quarta-feira (13) haver uma crise em relação ao preço do gás de cozinha e chamou de “absurdo” o monopólio da Petrobras no setor.

“O gás de cozinha é uma crise no Brasil, estamos atacando a questão do gás de cozinha, o monopólio da Petrobras absurdo neste sentido”, disse ele, em entrevista à CNN Rádio.

PUBLICIDADE

Segundo Lira, brasileiros não têm conseguido comprar e consumir o insumo e há quem esteja usando lenha para cozinhar, destacando que isso é um retrocesso.

“Esses assuntos têm que ser tratados com transparência e não com versão”, destacou.

Para o presidente da Câmara, é preciso tratar do monopólio da Petrobras do preço do gás e da falta de investimentos da estatal no setor.

Lira afirmou na entrevista não considerar que a mudança na política de preços da Petrobras ou uma mudança na diretoria da empresa seja a melhor saída neste momento. Ao mesmo tempo, ele afirmou que a estatal só escolhe os caminhos para “performar e distribuir” dividendos para acionistas.

“Não queremos instabilizar a política de preços e a diretoria da Petrobras, mas queremos informações”, frisou ele, negando haver conversas de bastidores para uma troca na diretoria da Petrobras.

O presidente da Câmara também aproveitou a entrevista para reiterar sua defesa na proposta que altera a forma de tributação do ICMS, um imposto estadual, sobre os combustíveis, que deve ir a votação em breve pelo plenário da Casa.

Nesta quarta, deve ocorrer uma nova reunião com líderes partidários da Câmara que deverá tratar desse assunto.

Ao comentar você concorda com os Termos de Uso. Os comentários não representam a opinião do portal Diário do Comércio. A responsabilidade sob qualquer informação divulgada é do autor da mensagem.

COMPARTILHE

NEWSLETTER

Fique por dentro de tudo que acontece no cenário economico do Estado

OUTROS CONTEÚDOS

PRODUZIDO EM

MINAS GERAIS

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram

Comunicar erro

Identificou algo e gostaria de compartilhar com a nossa equipe?
Utilize o formulário abaixo!