COTAÇÃO DE 27/09/2021

DÓLAR COMERCIAL

COMPRA: R$5,3780

VENDA: R$5,3790

DÓLAR TURISMO

COMPRA: R$5,3130

VENDA: R$5,5370

EURO

COMPRA: R$6,2562

VENDA: R$6,2591

OURO NY

U$1.750,16

OURO BM&F (g)

R$300,91 (g)

BOVESPA

+0,27

POUPANÇA

0,3575%

OFERECIMENTO

INFORMAÇÕES DO DOLAR

Economia

Iluminação pública: IP Minas receberá recursos do BDMG

COMPARTILHE

Crédito: Divulgação

O Banco de Desenvolvimento de Minas Gerais (BDMG) viabilizou financiamento de R$ 15,5 milhões com recursos originados pelo Banco Europeu de Investimentos para a IP Minas, concessionária que tem contrato de parceria público-privada (PPP) com a Prefeitura de Ribeirão das Neves, na Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH). A primeira de quatro parcelas foi liberada neste mês. Esta é a primeira operação do tipo realizada pelo BDMG, e que servirá de modelo para outros projetos.

Conforme o gerente de negócios do BDMG, João Paulo Barbosa Moreira, trata-se de uma linha muito recente. “Começamos a operar com essa linha em 2020, para fomentar ações de sustentabilidade, incluindo a eficiência energética”, explica. O processo é bastante rígido e durou cerca de oito meses, sendo que todos os requisitos foram atendidos. “A IP Minas foi muito bem avaliada, assim como as empresas que compõem a concessionária”, ressalta.

PUBLICIDADE

Moreira destaca que o processo incluiu análise de aspectos ambientais, como a destinação correta dos resíduos gerados durante a atuação dessas empresas, assim como resultados de economia aos cofres públicos, resultantes da implantação de um sistema energético mais eficiente. “Foi uma experiência muito importante e positiva. Agora esperamos replicar esse modelo construído junto à IP Minas para outros municípios de Minas Gerais”, afirma Moreira.

Durante todo o processo, a IP Minas contou com assessoria de Project Finance do Banco do Brasil de Investimentos. Formada pelas empresas Quantum Engenharia e Fortnort Desenvolvimento Ambiental e Urbano, a IP Minas iniciou operação em dezembro de 2019. O contrato é de 30 anos para prestação de serviços de modernização, otimização, eficientização, expansão, operação e manutenção da infraestrutura da rede de iluminação pública na cidade.

Para o gerente da IP Minas, Jolimar Costalonga Grancer, a liberação desse recurso evidencia a solidez da atuação da concessionária. Inclusive, destaca que o parque de iluminação pública de Ribeirão das Neves é composto atualmente por 27.231 unidades de iluminação pública, sendo que houve atuação em 19.114 pontos nesse primeiro ano de trabalho (16/12/2019 a 15/12/2020). A taxa de falha foi reduzida de 15,30% em dezembro de 2019 para 2,70% em dezembro de 2020, o que significa melhoria de 82% na prestação do serviço.

Interesse – O trabalho realizado tem chamando atenção. Nesta semana, uma comitiva da administração pública de São João del-Rei, no Campo das Vertentes,  visitou a concessionária. Em dezembro, a doutoranda Thais Nassaif esteve na IP Minas. Com experiência em planejamento urbano, graduação e mestrado em Arquitetura e Urbanismo, atualmente dedica-se ao doutorado no Programa de Pós-Graduação em Geografia da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). O foco da sua pesquisa é a difusão de PPPs em nível municipal na RMBH. 

Representantes do município de Divinópolis, no Centro-Oeste de Minas, e da Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra) do Mato Grosso também visitam a IP Minas, assim como o embaixador da República da África do Sul no Brasil, Joseph Mashimbye, que conheceu as instalações no ano passado.

Durante as visitas, acompanhadas pelo gerente Grancer, foram apresentados o Centro de Controle Operacional (CCO), onde é feito o gerenciamento das demandas do sistema de iluminação pública, e o software de gerenciamento desenvolvido especificamente para a telegestão.

Ao comentar você concorda com os Termos de Uso. Os comentários não representam a opinião do portal Diário do Comércio. A responsabilidade sob qualquer informação divulgada é do autor da mensagem.

COMPARTILHE

NEWSLETTER

Fique por dentro de tudo que acontece no cenário economico do Estado

OUTROS CONTEÚDOS

PRODUZIDO EM

MINAS GERAIS

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram

Comunicar erro

Identificou algo e gostaria de compartilhar com a nossa equipe?
Utilize o formulário abaixo!