COTAÇÃO DE 22/06/2021

DÓLAR COMERCIAL

COMPRA: R$4,9650

VENDA: R$4,9660

DÓLAR TURISMO

COMPRA: R$4,9570

VENDA: R$5,1130

EURO

COMPRA: R$5,9745

VENDA: R$5,9772

OURO NY

U$1.778,62

OURO BM&F (g)

R$286,53 (g)

BOVESPA

-0,38

POUPANÇA

0,2446%

OFERECIMENTO

INFORMAÇÕES DO DOLAR

Economia livre zCapa

PBH garante recursos do governo federal para recuperar Tereza Cristina

COMPARTILHE

Crédito: Breno Pataro/PBH

Após os danos causados pelas fortes chuvas registradas ao longo deste mês na Capital, a Prefeitura de Belo Horizonte (PBH) anunciou nesta segunda-feira (20), o reforço nas ações públicas para minimizar os impactos.

Para definir ações preventivas e emergenciais, o prefeito Alexandre Kalil se reuniu com representantes da Defesa Civil municipal e nacional, Superintendência de Desenvolvimento da Capital (Sudecap), Superintendência de Limpeza Urbana (SLU), Companhia Urbanizadora e Habitação de Belo Horizonte (Urbel) e da Secretaria Municipal de Obras e Infraestrutura.

PUBLICIDADE

“Eu quero esclarecer para a população de Belo Horizonte que se todos os nossos projetos, se todas as nossas bacias de contenção, as que estão em licitação, as que estão prontas, com projetos em andamentos, todas, todas, se estivessem prontas, aconteceria o que aconteceu ontem (domingo) em Belo Horizonte. Esse é um dado que me assustou”, afirmou o prefeito.

Para garantir recursos federais para obras de reconstrução da avenida Tereza Cristina, será publicado nesta terça-feira (21) um decreto de situação de emergência no local. O valor destinado para Belo Horizonte ainda será calculado a partir da vistoria e do plano de trabalho.

Representantes da Defesa Civil nacional vieram à capital para verificar in loco a situação da avenida.

“Nosso objetivo é verificar os danos e, a partir da decretação de situação de emergência e do envio de um plano de trabalho, a gente poder liberar recursos para reconstrução das áreas afetadas”, afirmou o coronel Alexandre Lucas, chefe da Defesa Civil nacional.

O coronel enfatizou a importância do trabalho da Defesa Civil de Belo Horizonte no atendimento às famílias vítimas das fortes chuvas, e da possibilidade de a União também arcar com parte dessa assistência. “Belo Horizonte é um exemplo para o Brasil de defesa civil, de sistema municipal de defesa civil, inclusive com a participação do Restaurante Popular. Se precisar de mais recursos para isso, também o governo federal pode liberar”.

A Defesa Civil de Belo Horizonte calcula que cerca de 150 famílias foram afetadas pelas chuvas. A maioria não teve a casa destruída, mas há uma demanda por limpeza no imóvel, reconstrução e doações de roupas e alimentos.

A partir de mapa meteorológico, a Prefeitura realiza reuniões semanais para debater ações preventivas e mecanismos de alertas à população.

(Da Redação)

Ao comentar você concorda com os Termos de Uso. Os comentários não representam a opinião do portal Diário do Comércio. A responsabilidade sob qualquer informação divulgada é do autor da mensagem.

COMPARTILHE

NEWSLETTER

Fique por dentro de tudo que acontece no cenário economico do Estado

CONTEÚDO RELACIONADO

OUTROS CONTEÚDOS

PRODUZIDO EM

MINAS GERAIS

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram

Comunicar erro

Identificou algo e gostaria de compartilhar com a nossa equipe?
Utilize o formulário abaixo!