COTAÇÃO DE 24/01/2022

DÓLAR COMERCIAL

COMPRA: R$5,5030

VENDA: R$5,5030

DÓLAR TURISMO

COMPRA: R$5,4870

VENDA: R$5,6630

EURO

COMPRA: R$6,2080

VENDA: R$6,2103

OURO NY

U$1.842,90

OURO BM&F (g)

R$323,72 (g)

BOVESPA

-0,92

POUPANÇA

0,5845%%

OFERECIMENTO

INFORMAÇÕES DO DOLAR

Economia-destaque Finanças livre

Inflação de produtos na saída das fábricas fica em 0,91% em novembro

COMPARTILHE

" "
Crédito: Wilson Dias/Agência Brasil

O Índice de Preços ao Produtor (IPP), que mede a variação de preços de produtos na saída das fábricas, registrou inflação de 0,91% em novembro de 2019, taxa superior ao 0,60% de outubro.

O IPP acumula taxa de 4,55% de janeiro a novembro de 2019 e de 2,92% em 12 meses.

PUBLICIDADE




Segundo dados divulgados nesta quarta-feira (8) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), foram observadas altas de preços em 15 das 24 atividades industriais pesquisadas em novembro, com destaque para os alimentos (3,48%) e indústrias extrativas (4,86%).

Das nove atividades com queda de preços em novembro, destacam-se metalurgia (-1,41%) e outros produtos químicos (-0,81%).

Entre as grandes categorias econômicas, a principal alta de preços foi observada nos bens de consumo semi e não duráveis (2,11%).

As demais categorias registraram as seguintes taxas: bens de consumo duráveis (0,45%), bens de capital, isto é, máquinas e equipamentos usados no setor produtivo (0,38%), e bens intermediários – os insumos industrializados usados no setor produtivo (0,34%).




(Agência Brasil)

Ao comentar você concorda com os Termos de Uso. Os comentários não representam a opinião do portal Diário do Comércio. A responsabilidade sob qualquer informação divulgada é do autor da mensagem.

COMPARTILHE

NEWSLETTER

Fique por dentro de tudo que acontece no cenário economico do Estado

CONTEÚDO RELACIONADO

OUTROS CONTEÚDOS

Comunicar erro

Identificou algo e gostaria de compartilhar com a nossa equipe?
Utilize o formulário abaixo!