A indústria, que será inaugurada no dia 30 de outubro, terá capacidade para produzir 35 mil próteses por ano na RMBH - Crédito: Divulgação

O município de Contagem, na Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH), vai sediar a primeira unidade global no hemisfério sul da Acurate, empresa do Grupo Boston Scientific (BSC) de origem americana.

Com um investimento de US$ 30 milhões, o conglomerado traz para Minas Gerais a produção de um tipo inovador de prótese cardíaca biológica. A indústria será inaugurada no dia 30 de outubro e a expectativa é de que ela tenha capacidade para produzir 35 mil próteses por ano e gere 400 empregos.

Planejada no conceito de indústria 4.0, a planta foi construída em um condomínio empresarial na região da Cidade Industrial e sua atração contou com o apoio da Agência de Promoção de Investimento e Comércio Exterior de Minas Gerais (Indi).

De acordo com o diretor do Indi, João Paulo Braga, além de ser uma fábrica com tecnologia de ponta, a Acurate traz uma inovação em seu produto, que tem uma implantação menos invasiva. Segundo ele, a prótese cardíaca biológica aórtica é implantável por cateter, o que evita intervenções mais agressivas no paciente. A matéria-prima do produto é o tecido suíno.

Braga explica que 98% das próteses fabricadas em Contagem serão exportadas para a Europa, para os Estados Unidos e para o Japão. Apenas 2% da produção devem ser absorvidos no Brasil. “Estamos falando de um mercado de alto nível de exigência, o que mostra a competitividade de Minas Gerais na atração desse tipo de empreendimento. Destaque também para a RMBH, que já tem vocação no setor de biotecnologia”, frisa.

O diretor afirma que o investimento de US$ 30 milhões foi aplicado na estruturação da fábrica em Contagem, mas a expectativa é que novos aportes sejam feitos no futuro. Ele destaca que o município mineiro se destacou por oferecer uma boa plataforma logística e um ambiente de negócios competitivo.

Braga lembra, ainda, que os 400 empregos gerados são postos de trabalho qualificados, o que impactará positivamente na economia do município. “O Grupo BSC é um dos líderes globais em soluções médicas, então essa fábrica trará projeção do nome de Contagem para o mundo”, destaca.

O secretário Municipal de Desenvolvimento Econômico de Contagem, Sant Clair Terres, também comemora a implantação do empreendimento. Ele afirma que a prefeitura fez parte dos esforços de atração da indústria, atuando na desburocratização de processos e agilizando licenciamentos. Além disso, o secretário destaca uma lei municipal de incentivo às empresas de tecnologia, que, entre outros benefícios, autoriza a concessão de incentivos fiscais.

“É muito importante para Contagem receber uma empresa como essa, de alta tecnologia, nesse momento de ascensão da indústria 4.0. Ela vai ancorar nossos esforços de atração de empresas inovadoras e de renovação do nosso parque industrial”, afirma. Para o secretário, a mobilidade urbana do município, a disponibilidade de mão de obra e a infraestrutura oferecida pelo condomínio empresarial também foram atrativos importantes para a Acurate. A empresa foi procurada pela reportagem e não quis se pronunciar.