Cinema e literatura

Dando continuidade ao projeto “Divinas Conversas”, promovido pela Biblioteca Dante Alighieri, a Fundação Torino Escola Internacional receberá na próxima quinta-feira, às 19h30, o cineasta Helvécio Ratton para um bate-papo com alunos, professores e público em geral sobre “Afinidades eletivas: cinema e literatura em diálogo”. A palestra será realizada no auditório do Espaço Cultural da Fundação Torino, é aberta à comunidade, tem entrada gratuita e está sujeita à lotação do espaço (170 lugares). Para participar basta confirmar presença pelo e-mail: [email protected] O encontro com Ratton inaugura as atividades voltadas ao tema do cinema na Fundação Torino. Entre os próximos dias 18 e 22 de março, em parceria com o Consulado Italiano, a escola promoverá o Cine Fórum, uma mostra de cinema italiano com debates mediados por professores da instituição.

“Pedalada Femininja”

Mulheres na rua, mulheres na luta. Este é o mote da “Pedalada Femininja” de 2019 e que acontece há três anos. A data escolhida para a atividade, hoje (12 de março), marca um ano do assassinato da vereadora Marielle Franco. Exclusivo para as mulheres, o evento é organizado pelo grupo Bicimanas, de mulheres que pedalam ou desejam pedalar em BH, e a Associação de Ciclistas de Belo Horizonte, BH em Ciclo. Às 18 horas, haverá concentração na Praça Raul Soares. Às 20 horas, será realizado o Pedal-Manifesto pelas ruas do Centro e Savassi. A festa será encerrada às 22 horas debaixo do Viaduto Santa Tereza.

Editais de música

Tradicionalmente lançados no início do primeiro semestre, o BDMG Cultural divulga os editais públicos de concorrência Prêmio BDMG Instrumental, Prêmio Marco Antônio Araújo e Prêmio Flávio Henrique, este último lançado no ano passado em homenagem ao cantor, compositor e instrumentista Flávio Henrique. As premiações chegam a R$12 mil. De acordo com Thiago Delegado, um dos expoentes da nova geração da música instrumental no país que, inclusive, já foi premiado pelos prêmios BDMG Instrumental e Marco Antônio Araújo, as iniciativas são fundamentais para a cena musical no Estado. As inscrições para os editais poderão ser realizadas até 5 de abril, gratuitamente. OS regulamentos e fichas de inscrição estão disponíveis no site da instituição: www.bdmgcultural.mg.gov.br.
Poesia para partilhar
 
Um livro para folhear e desfolhar, com páginas para que o leitor também se expresse. A proposta é compartilhar espaço, poemas, afetos, esclarece a autora de “Desarmadilha”, Sidneia Simões. Inspirado nos postais poéticos “O Grito” e com produção independente, o livro tem ilustrações de Rômulo Garcias e design gráfico de Laudeir Borges. São 112 páginas, mais 20 folhas duplas, com postais para serem destacados e distribuídos pelo leitor. A produção gráfica inova ao integrar, em um só objeto, o formato tradicional do livro com a desenvoltura dos cartões-postais. O lançamento será realizado na próxima quinta-feira, às 20 horas, no Beagá Psiu Poético ( Centro Cultural da  da UFMG, avenida Santos Dumont, 174, Centro). O livro será vendido por R$ 30,00.
Bolsa Pampulha

A Prefeitura de Belo Horizonte, por meio da Secretaria Municipal de Cultura e da Fundação Municipal de Cultura, e o Centro de Arte e Tecnologia, anunciaram resultado do processo seletivo para o Programa Bolsa Pampulha. Para a 7ª edição, referente a 2018/2019, foram apresentados 356 projetos – na edição anterior foram 245. Foram selecionados dez artistas para a realização de uma residência artística de seis meses em Belo Horizonte, a partir do dia 25 de março e, em setembro, participam de exposição para apresentar as obras produzidas. Os escolhidos são Alex Oliveira (BA), Guerreiro do Divino Amor (RJ), David de Jesus do Nascimento (MG), Dayane Tropikaos (MG), Gê Viana (MA), Sallisa Rosa (GO), Sara Lana (MG), Simone Cortezão (MG), Ventura Profana (BA) e Desali (MG).