COTAÇÃO DE 17/06/2021

DÓLAR COMERCIAL

COMPRA: R$5,0220

VENDA: R$5,0220

DÓLAR TURISMO

COMPRA: R$5,0600

VENDA: R$5,2030

EURO

COMPRA: R$5,9965

VENDA: R$5,9993

OURO NY

U$1.773,32

OURO BM&F (g)

R$287,07 (g)

BOVESPA

-0,93

POUPANÇA

0,2019%

OFERECIMENTO

INFORMAÇÕES DO DOLAR

Negócios

Hermes Pardini vai expandir atuação no Sul e no Nordeste

COMPARTILHE

Plataforma de automação laboratorial prevê automatizar 84% dos exames realizados - Crédito: Leo Lara/Arvore de Comunicacao

O Grupo Hermes Pardini anunciou ontem, em primeira mão para o DIÁRIO DO COMÉRCIO, a construção de dois Núcleos Técnicos Avançados (NTAs). As unidades, que serão instaladas na Região Metropolitana de Recife (PE) e em Santa Catarina (cidade ainda não divulgada), serão dedicadas ao atendimento corporativo. Elas vão ampliar a capacidade de processamento do grupo, atendendo de forma mais completa tecnicamente e ágil, do ponto de vista logístico, as regiões Nordeste e Sul do País.

O Grupo Pardini estima um aporte de R$ 10 milhões para a primeira fase da instalação de dois NTAs. O investimento será compartilhado com fornecedores e parceiros. De acordo com o vice-presidente Comercial e de Marketing do grupo Hermes Pardini, Alessandro Ferreira, os empreendimentos fazem parte de uma estratégia maior de expansão do grupo que inclui aquisições e construção de unidades próprias fomentadas pelo projeto Enterprise.

Ferreira: empreendimentos fazem parte de uma estratégia maior – CRÉDITO: Leo Lara/Arvore de Comunicacao

PUBLICIDADE

A plataforma de automação laboratorial, iniciada em 2018, prevê automatizar 84% dos exames realizados pela empresa. O objetivo é provocar mudanças não somente na produção, mas no relacionamento com clientes, na gestão dos estoques, na inteligência dos equipamentos e na entrega dos resultados.

“Depois da Entreprise temos uma capacidade técnica para expandir o processamento para qualquer parte do Brasil. O mais importante é que conseguimos ter o mesmo custo que temos na central. Assim, podemos ter NTAs em outras regiões. É uma intenção do Grupo Pardini, após a análise dos resultados – especialmente em ganhos para os nossos clientes -, dessas duas unidades, estudar outras capitais para implantação”, explica Ferreira.

Cada unidade deve gerar entre 40 e 60 empregos diretos e outros 100 indiretos. A busca por profissionais já começou. O prazo para abertura da unidade de Santa Catarina é o meio do próximo semestre e, para Recife, início de 2020. O treinamento das lideranças será feito em sistema de imersão em Belo Horizonte e da equipe técnica pelo sistema de educação a distância.

“Já temos o modelo de produção, então a implantação de um NTA é uma questão de encontrar áreas adequadas e contratar as equipes. Fazemos questão de que todos os contratados passem por um processo para conhecer a cultura do Pardini. Acreditamos que a saúde só existe se as pessoas tiverem acesso. Não adianta termos a tecnologia mais avançada se não conseguimos atender quem precisa. E este é um valor que levamos de Minas Gerais para o Brasil. Belo Horizonte tem uma das melhores escolas medicina e de farmácia do Brasil, por isso conseguimos gerar e levar conhecimento para todo o Brasil. De outro lado, a cultura de gestão mineira também é conhecida pelo acolhimento e eficiência operacional. E tudo isso é um valor para nós”, pontua Ferreira.

Ao comentar você concorda com os Termos de Uso. Os comentários não representam a opinião do portal Diário do Comércio. A responsabilidade sob qualquer informação divulgada é do autor da mensagem.

COMPARTILHE

NEWSLETTER

Fique por dentro de tudo que acontece no cenário economico do Estado

CONTEÚDO RELACIONADO

OUTROS CONTEÚDOS

PRODUZIDO EM

MINAS GERAIS

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram

Comunicar erro

Identificou algo e gostaria de compartilhar com a nossa equipe?
Utilize o formulário abaixo!