COTAÇÃO DE 16 A 18/10/2021

DÓLAR COMERCIAL

COMPRA: R$5,4540

VENDA: R$5,4540

DÓLAR TURISMO

COMPRA: R$5,4700

VENDA: R$5,6130

EURO

COMPRA: R$6,3181

VENDA: R$6,3210

OURO NY

U$1.767,23

OURO BM&F (g)

R$309,68 (g)

BOVESPA

+1,29

POUPANÇA

0,3575%

OFERECIMENTO

INFORMAÇÕES DO DOLAR

Turismo

Copa América no Mineirão anima a cadeia de turismo

COMPARTILHE

O estádio Magalhães Pinto - o Mineirão -, na Pampulha, vai receber quatro jogos na primeira fase e mais um na semifinal - Crédito: Tomaz Silva/Agência Brasil

Mesmo que a seleção masculina de futebol não apresente o mesmo brilho de outras épocas, o torcedor brasileiro não deixa de amar o esporte bretão e se anima com a oportunidade de ver em campo estrelas internacionais como os uruguaios Edinson Cavani e Luis Suárez e o argentino Lionel Messi. E quem tenta ganhar fôlego junto com os torcedores é a cadeia produtiva do turismo.

Em entrevista coletiva na tarde de ontem (12), o presidente da Federação de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares de Minas Gerais (Fhoremg) e do Sindicato de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares de BH (Sindhorb), Paulo Cesar Pedrosa, afirmou que os eventos internacionais são sempre uma grande oportunidade para a cidade alcançar visibilidade.

PUBLICIDADE

“Esperamos uma taxa de ocupação média de 70%. Este é um número muito bom para Belo Horizonte diante da grave crise econômica que o Brasil continua vivendo, mas ainda não é o ideal. A Copa América não é um evento tão quente como gostaríamos. Teremos cerca de 50 hotéis impactados”, explica Pedrosa.

O estádio Magalhães Pinto – o Mineirão – vai receber quatro jogos na primeira fase e mais um na semifinal. O primeiro jogo acontece no dia 16 de junho, entre Uruguai e Equador. No dia 19, jogam Argentina e Paraguai. No dia 22, Bolívia e Venezuela e dois dias depois, Equador e Japão. A semifinal acontece no dia 2 de julho e pode contar com a presença do Brasil se a seleção se classificar em primeiro lugar no seu grupo (A), que conta também com Bolívia, Peru e Venezuela.

Entre as seleções que jogarão em Belo Horizonte, a maior expectativa é sobre a Argentina. É o jogo dela com o Paraguai que deve atrair o maior número de turistas.

“Esperamos pela proximidade e tradição muitos visitantes do Uruguai e Argentina e também do Chile, que é o mais recente campeão. Mas o Chile, infelizmente, não vem para Belo Horizonte nessa primeira fase. O que pode nos ajudar a melhorar esses resultados é a vinda do Brasil para a semifinal. É importante lembrar que em um jogo como esse não são só os torcedores, mas também as equipes que vêm trabalhar em função do evento. A maior movimentação começa cinco dias ou até uma semana antes”, pontua o presidente da Fhoremg.

Esse é o momento da cidade mostrar seus atrativos e os hotéis seus diferenciais. No Intercity BH Expo, na região Oeste, o evento esportivo não teve um grande impacto. Feiras de agronegócios como a Megaleite e a 38ª Exposição Nacional do Cavalo Mangalarga Marchador, que também acontecem no mês de junho, praticamente ao lado do hotel, no Parque de Exposições Bolivar de Andrade, na Gameleira, elevaram a ocupação para 90%.

Do outro lado da cidade, na região Leste, o hotel BHB, implantou tarifas promocionais para o período e como diferencial não exigiu mínimo de noites hospedadas. De acordo com a gerente de Marketing do BHB, Rebecca Freitas, a média de ocupação no período já está em torno de 80%, com destaque para o dia do jogo da Argentina contra o Paraguai.

“Acreditamos que temos espaço para crescer nos dias em que a ocupação ainda não está tão alta. Sem dúvida essa taxa de ocupação é mais representativa do que em outros anos no mesmo período, já que a cidade costuma ter um esvaziamento nos meses de junho e julho por conta do foco no turismo de negócios. A exposição na mídia antes e durante o evento proporciona um interesse maior na cidade e seus atrativos, movimentando a rede hoteleira que receberá os times e os torcedores que virão acompanhar o evento”, avalia Rebecca Freitas.

Ao comentar você concorda com os Termos de Uso. Os comentários não representam a opinião do portal Diário do Comércio. A responsabilidade sob qualquer informação divulgada é do autor da mensagem.

COMPARTILHE

NEWSLETTER

Fique por dentro de tudo que acontece no cenário economico do Estado

OUTROS CONTEÚDOS

PRODUZIDO EM

MINAS GERAIS

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram

Comunicar erro

Identificou algo e gostaria de compartilhar com a nossa equipe?
Utilize o formulário abaixo!