Vale doa kits de testes rápidos para Covid-19 para hospitais mineiros que atendem pelo SUS

Entrega inclui também 2,7 milhões de equipamentos de proteção individual para profissionais de saúde

* Conteúdo Patrocinado *

Hospital Nossa Senhora das Dores, em Itabira,
recebe equipamentos de proteção como
máscaras e luvas descartáveis

Dez hospitais de Minas Gerais que atendem pelo Sistema Único de Saúde (SUS) receberam da Vale mais de 55 mil kits de testes rápidos para o diagnóstico do novo coronavírus. As instituições de saúde também receberam, nos meses de abril e maio, mais de 2,7 milhões de materiais – sendo 42 mil máscaras N-95, 1,06 milhão de máscaras cirúrgicas, 167,2 mil aventais, 1,4 milhão de luvas e 800 óculos para apoiar os profissionais que estão na linha de frente. A doação direta soma-se às ações de apoio ao Governo Federal.

As instituições de saúde beneficiadas no estado são: Hospital Municipal Waldemar das Dores (em Barão de Cocais); Hospital Municipal João Fernandes do Carmo

Hospitais de Minas Gerais recebem EPIs doados pela Vale

(Brumadinho); Hospital Bom Jesus (Congonhas); Hospital e Maternidade São José (Conselheiro Lafaiete); Hospital Nossa Senhora das Dores(Itabira); Hospital São Vicente de Paulo (Itabirito); Hospital Monsenhor Horta (Mariana); Hospital Nossa Senhora de Lourdes (Nova Lima); Santa Casa de Ouro Preto (Ouro Preto) e Hospital Margarida (João Monvelade).

 

Investimento em infraestrutura
O apoio no combate ao coronavírus também envolve as obras de ampliação do Hospital da Baleia, em Belo Horizonte, financiadas e executadas pela Vale.

O hospital terá 104 novos leitos exclusivos para o combate à pandemia. Nesta primeira quinzena de maio, a instituição reinaugurou uma ala com 70 leitos de
Terapia Intensiva. Na segunda quinzena será concluída a instalação de 34 novos leitos de terapia semi-intensiva. Outra ação é a aquisição de equipamentos e insumos médicos que, somadas à construção dos novos leitos, totaliza um investimento de R$ 6,6 milhões.

O hospital Eduardo de Menezes, também em Belo Horizonte, que passou a atender pacientes com suspeita de COVID-19 recebeu investimento da empresa para sua ampliação, no valor de R$ 5,24 milhões.

Hospital da Baleia, em BH, terá 104 novos leitos para
combate à pandemia

Com a aquisição de equipamentos e insumos médicos, as instituições poderão contribuir ainda mais para o tratamento e a melhoria da saúde de muitos mineiros.

Apoio à economia local
Com a crescente demanda por máscaras de pano reutilizáveis no enfrentamento à pandemia do novo coronavírus, a Vale, o Instituto Yara Tupynambá e a Associação Talentos Regionais se uniram no Projeto Máscara para Todos. Mais de 40 costureiras de Brumadinho inscreveram-se e estão participando da iniciativa. O grupo vai produzir, até o final de maio, 30 mil máscaras para serem utilizadas, inicialmente, pelos empregados próprios e terceirizados da Vale que estão trabalhando em campo.
Além da geração de renda para as costureiras locais, o projeto também vai ajudá-las a sair da informalidade, por meio de consultoria técnica e jurídica para a formalização de MEI (Microempreendedor Individual).

Além de Brumadinho, a Vale contratou 15 fornecedores em sete municípios no Estado de Minas Gerais para produção de mais de 784 mil máscaras de tecido.
A companhia buscou projetos sociais, associações e pequenas confecções, além de fábricas de uniforme, para a compra destes produtos, como forma de apoiar a economia nos locais onde está presente. O investimento soma R$ 3 milhões.

Vamos superar juntos este momento desafiador
Para o Dr. Daniel Penna, médico do trabalho e gerente de Saúde Ocupacional da Vale, a pandemia do novo coronavírus nos traz uma responsabilidade com o coletivo. “Nossas atitudes nesse cenário, pensando também no outro, é que farão toda a diferença. É preciso que cada um de nós tenha a consciência de que ações preventivas como o distanciamento social, o uso de máscaras, a higienização das mãos e a desinfecção de superfícies são atitudes simples, mas são as melhores armas que temos contra a disseminação do vírus até que uma vacina ou tratamento medicamentoso estejam disponíveis”, conclui.

As suas atitudes também fazem diferença. Você contribui para o bem-estar e a segurança de todos quando adota medidas simples de proteção, como: lavar bem as mãos, usar máscara e evitar aglomerações.

Com serenidade e responsabilidade vamos superar juntos este momento.

Conheça outras ações em vale.com/coronavirus