COTAÇÃO DE 26/10/2021

DÓLAR COMERCIAL

COMPRA: R$5,6270

VENDA: R$5,6270

DÓLAR TURISMO

COMPRA: R$5,6730

VENDA: R$5,8030

EURO

COMPRA: R$6,6420

VENDA: R$6,6450

OURO NY

U$1.792,47

OURO BM&F (g)

R$327,87 (g)

BOVESPA

-1,34

POUPANÇA

0,3575%

OFERECIMENTO

INFORMAÇÕES DO DOLAR

Economia zCapa

MG abrigará usina com tecnologia inglesa

COMPARTILHE

Unidade de processamento de biodiesel será instalada na área do CIEPTEC-UFJF Norte | Crédito: Divulgação/UFJF

Daniel Vilela

Será inaugurada, no dia 14 de dezembro, uma usina experimental para a produção de biodiesel em Juiz de Fora, na Zona da Mata mineira. A iniciativa é fruto de uma parceria entre a prefeitura, a Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) e a empresa britânica Green Fuels. A usina será capaz de transformar resíduos como o óleo de cozinha em combustível.

PUBLICIDADE

O maquinário da usina está sendo transportado de navio da Inglaterra para o Brasil, e deve ser entregue no início de dezembro. A unidade de processamento de biodiesel será instalada na área do Centro Integrado de Ensino, Pesquisa, Extensão, Transferência de Tecnologia e Cultura (CIEPTEC-UFJF Norte) no Distrito Industrial de Juiz de Fora.

Doado com o apoio do Prosperity Fund, do governo britânico, focado em projetos ambientais, o equipamento terá capacidade de produzir 3 mil litros de biodiesel a partir de resíduos, como o óleo de cozinha descartado e sebo de animais. Segundo a prefeitura de Juiz de Fora, o combustível gerado será usado na frota pública do município e da universidade.

“Esse projeto é uma das entregas da Plataforma de Bioquerosene e Renováveis da Zona da Mata de recuperação da região, que já foi a mais próspera e hoje é a mais empobrecida de Minas Gerais”, afirma o secretário de Desenvolvimento Econômico, Turismo e Agropecuária (Sedeta) de Juiz de Fora, Jackson Fernandes Moreira.

O diretor de inovação da UFJF, Ignácio Delgado, ressalta a importância da parceria celebrada entre o município, a universidade e a Green Fuels. “Esta iniciativa sinaliza para a cidade e região como a colaboração entre a academia e o poder público pode ser decisiva para dinamizar a economia regional em atividades intensivas em tecnologia e sustentáveis”.

“Somos fornecedores de equipamento e tecnologia. Nós vamos oferecer uma equipe para monitorar a operação do equipamento”, explica o CEO da Green Fuels Ventures América Latina e Representante da Green Fuels Ltd. e Green Fuels Research Ltd., Manoel Thompson Flores.

“Temos planos, interesse em fomentar a produção de HVO (diesel verde) e bioquerosene. Fazer uma planta maior para produzir. Essa seria uma segunda etapa”, acrescenta Manoel.

Macaúba – A macaúba possui destaque na Plataforma de Bioquerosene e Renováveis da Zona da Mata. A planta, nativa da Mata Atlântica, será o conector em uma cadeia de reflorestamento, geração de renda e produção de combustíveis renováveis.

“A macaúba chamou atenção por oferecer alta produtividade de frutos e óleo. Comparada à soja, a produtividade por hectare da planta é oito vezes maior do que a soja. Além disso, a macaúba se adapta à geografia acidentada da região, não exige mão-de-obra especializada para ser cultivada, e mais, poucas espécies conseguem fixar água no solo como a macaúba”, conta Jackson Fernandes Moreira.

“O que estamos propondo é conseguir recursos para implantar a recuperação de 130 mil hectares de mata, e isso vai gerar impacto em toda a cadeia. A agropecuária é importante na região, mas a eficiência é baixa”, complementa Jackson.

De acordo com o secretário da Sedeta, será necessário R$ 1,3 bilhão em recursos para o projeto de reflorestamento, e com a cadeia produtiva sustentada pelo cultivo da macaúba, em cerca de 10 anos, será possível produzir 300 milhões de litros de combustível sustentável por ano.

Ao comentar você concorda com os Termos de Uso. Os comentários não representam a opinião do portal Diário do Comércio. A responsabilidade sob qualquer informação divulgada é do autor da mensagem.

COMPARTILHE

NEWSLETTER

Fique por dentro de tudo que acontece no cenário economico do Estado

OUTROS CONTEÚDOS

PRODUZIDO EM

MINAS GERAIS

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram

Comunicar erro

Identificou algo e gostaria de compartilhar com a nossa equipe?
Utilize o formulário abaixo!