Países incentivam cooperação e luta contra protecionismo

26 de julho de 2018 às 0h00

Joanesburgo – A China e a África do Sul pediram aos outros governos do Brics ontem que lutem contra o protecionismo e incentivem o comércio global multilateral, em face das ameaças de tarifas do presidente dos Estados Unidos (EUA), Donald Trump, que colocam o comércio global em risco. Os alertas de Trump criaram um novo incentivo para Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul reforçarem sua cooperação comercial, e autoridades presentes na cúpula de três dias, iniciada ontem, em Joanesburgo, encontraram uma voz coletiva em defesa do comércio internacional. O encontro de presidentes do bloco comercial é o primeiro desde que o governo Trump iniciou uma ofensiva para reequilibrar o multilateralismo comercial que o norte-americano classificou como injusto, relacionamentos que os EUA defenderam no passado. “É nossa obrigação sincera demonstrar nosso compromisso com o sistema de comércio multilateral, salvaguardar a existência da OMC (Organização Mundial do Comércio) e também demonstrar nossa posição clara e forte contra qualquer ação unilateral e protecionismo”, disse o diretor-geral do Ministério do Comércio da China, Zhang Shaogang, na cúpula de países-membros do Brics. Apoio mútuo – “A cooperação no comércio e no investimento é a propulsora de uma cooperação abrangente dos Brics. Precisamos tornar nossa cooperação mais pragmática e institucionalizada”. O ministro do Comércio sul-africano, Rob Davies, destacou que a economia mais industrializada da África está sendo afetada por danos colaterais. “Todos nós, Brics, concordamos que este momento da economia global exige que fortaleçamos nossa parceria”, afirmou Davies.

Facebook LinkedIn Twitter YouTube Instagram Telegram

Siga-nos nas redes sociais

Comentários

    Receba novidades no seu e-mail

    Ao preencher e enviar o formulário, você concorda com a nossa Política de Privacidade e Termos de Uso.

    Conteúdo Relacionado

    Facebook LinkedIn Twitter YouTube Instagram Telegram

    Siga-nos nas redes sociais

    Fique por dentro!
    Cadastre-se e receba os nossos principais conteúdos por e-mail