Brasil aplica antidumping a borracha nitrílica

14 de agosto de 2018 às 0h00

São Paulo – O governo brasileiro decidiu aplicar direito antidumping definitivo, por um prazo de até cinco anos, às importações de borracha nitrílica, originárias da Coreia do Sul e da França, segundo resolução do Comitê Executivo da Câmara de Comércio Exterior (Camex) publicada no Diário Oficial da União de ontem. Pela decisão, serão aplicadas alíquotas específicas de US$ 0,15 a US$ 0,34 por quilograma para produtos originários do Coreia do Sul, enquanto os produtos oriundos da França pagarão tarifa entre 0,65 euro e 0,92 euro por quilograma. Forma líquida – A imposição de alíquotas não de aplica às borrachas nitrílicas na forma líquida e às borrachas nitrílicas em pó produzidas por meio do processo de spray drying com granulometria igual ou inferior a 0,16 milímetro, determina a Camex na resolução.

Facebook LinkedIn Twitter YouTube Instagram Telegram

Siga-nos nas redes sociais

Comentários

    Receba novidades no seu e-mail

    Ao preencher e enviar o formulário, você concorda com a nossa Política de Privacidade e Termos de Uso.

    Conteúdo Relacionado

    Facebook LinkedIn Twitter YouTube Instagram Telegram

    Siga-nos nas redes sociais

    Fique por dentro!
    Cadastre-se e receba os nossos principais conteúdos por e-mail