COTAÇÃO DE 07/05/2021

DÓLAR COMERCIAL

COMPRA: R$5,2280

VENDA: R$5,2290

DÓLAR TURISMO

COMPRA: R$5,2070

VENDA: R$5,3830

EURO

COMPRA: R$6,3509

VENDA: R$6,3522

OURO NY

U$1.831,42

OURO BM&F (g)

R$307,84 (g)

BOVESPA

+1,77

POUPANÇA

0,2019%

OFERECIMENTO

INFORMAÇÕES DO DOLAR

Economia zCapa
Expectativa da CDL/BH é de que o setor encerre o ano com alta de 2% frente a 2018 - Crédito: Divulgação

O comércio de Minas Gerais foi impactado pela crise econômica e, por consequência, pelo desemprego elevado em 2019. Porém, a expectativa é de que o setor tenha um desempenho mais favorável em 2020, devido às ações anunciadas ao longo do ano pelos governos federal e estadual para estimular a economia, desburocratizar os processos e gerar mais empregos. A expectativa é de que essas medidas contribuam para um cenário econômico mais favorável e para a retomada do consumo.

O presidente da Associação Comercial e Empresarial de Minas (ACMinas), Aguinaldo Diniz Filho, destacou que o ano foi difícil para o comércio, mas as ações adotadas pelos governos federal e estadual tendem a gerar um cenário mais positivo em 2020. Entre as ações consideradas importantes estão a aprovação da reforma da Previdência, os programas de desburocratização e desoneração, a queda dos juros e o controle da inflação.

PUBLICIDADE

“O comércio é o setor que mais sofre e, também, o que mais gera empregos. É composto, em sua maioria, por pequenas e médias empresas. 2019 foi um ano dificílimo para todos e acreditamos que para 2020, com as medidas adotadas pelos governos federal e estadual, com a perspectiva de crescimento do PIB, da alta na demanda e de maior renda e consumo das famílias, entendemos que o comércio terá um período muito mais satisfatório que em 2019. Acreditamos fortemente nisso”.

Ainda segundo Diniz, é preciso destacar que a economia é volátil e está estagnada há muito tempo, por isso, ainda será preciso esforço. “Vamos fazer força e cremos que estamos no caminho correto. As reformas, tanto estadual como federal, estão andando e a consolidação destas ações dos governos trará um benefício muito grande para o mercado como um todo, tanto comércio, indústria, varejo, agropecuária. Isso é importante para que possamos gerar empregos e renda no País.”

Para o presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas de Belo Horizonte (CDL/BH), Marcelo de Souza e Silva, 2019 foi um ano desafiador para o comércio da Capital, que começou com uma expectativa muito boa, mas apresentou um ritmo de crescimento mais lento do que o esperado. A expectativa é de que o setor encerre o ano com alta de 2% frente a 2018, o que é considerado importante.

“É um crescimento suave, mas relevante. Tivemos de 4 a 5 anos de uma crise econômica muito grande e, em 2019, iniciamos a saída dela. A partir do terceiro trimestre, o cenário reagiu com aumento da geração de empregos, juros baixos e inflação controlada. A aprovação da reforma da Previdência foi um marco importante para atração de novos investimentos.”

Ainda conforme Souza e Silva, os consumidores também estão voltando às compras. A movimentação nas lojas está maior. “Durante a Black Friday e agora no Natal, percebemos que os consumidores estão visitando mais as lojas, perguntando os preços. Antes, eles iam às compras direcionados, em busca de um produto específico. É uma mudança muito importante”, explicou.

Para 2020, as expectativas são positivas e a tendência é de que o comércio, na capital mineira, cresça entre 4% e 5%, frente a 2019.

“Para 2020, o ambiente de negócios será muito melhor. Precisamos contar com a boa gestão dos governos federal, estadual e municipal. A aprovação da reforma tributária e administrativa do governo federal será importante. Em Minas Gerais, a evolução do processo de recuperação fiscal do Estado com a União precisa avançar e trará um alívio e um horizonte diferenciado para a economia estadual. Também estamos torcendo para que o governo consiga colocar o pagamento do funcionalismo público em dia e quite o 13º salário, melhorando a dignidade e permitindo o maior consumo. Por tudo isso, o quadro geral para 2020 é de expectativa positiva”, disse.

Ao comentar você concorda com os Termos de Uso. Os comentários não representam a opinião do portal Diário do Comércio. A responsabilidade sob qualquer informação divulgada é do autor da mensagem.

COMPARTILHE

NEWSLETTER

Fique por dentro de tudo que acontece no cenário economico do Estado

CONTEÚDO RELACIONADO

OUTROS CONTEÚDOS

PRODUZIDO EM

MINAS GERAIS

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram

Comunicar erro

Identificou algo e gostaria de compartilhar com a nossa equipe?
Utilize o formulário abaixo!