COTAÇÃO DE 23 A 25/10/2021

DÓLAR COMERCIAL

COMPRA: R$5,6270

VENDA: R$5,6270

DÓLAR TURISMO

COMPRA: R$5,6730

VENDA: R$5,8030

EURO

COMPRA: R$5,6730

VENDA: R$5,6750

OURO NY

U$1.792,47

OURO BM&F (g)

R$327,87 (g)

BOVESPA

-1,34

POUPANÇA

0,3575%

OFERECIMENTO

INFORMAÇÕES DO DOLAR

Economia

Aeroporto do Pampulha é arrematado por R$ 34 mi

COMPARTILHE

aeroporto da Pampulha
Aeroporto da Pampulha | Crédito: Reprodução

O aeroporto Carlos Drummond de Andrade, o Aeroporto da Pampulha, em Belo Horizonte, foi concedido nesta terça-feira (5) para a iniciativa privada por R$ 34 milhões. O lance foi dado pela Companhia de Participações em Concessões (CPC) – acionista na BH Airport – que ofereceu um ágio de 245,29% em relação ao valor previsto em edital. O valor mínimo da oferta era de R$ 9,8 milhões.

Atualmente, o grupo vencedor é responsável por administrar o Aeroporto Internacional de Belo Horizonte, em Confins, Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH). O concorrente foi o Consórcio Asa, que no último lance ofertou R$ 33 milhões.

PUBLICIDADE

Em julho, o Governo de Minas Gerais publicou o edital de concessão do Aeroporto da Pampulha para exploração da iniciativa privada pelos próximos 30 anos. O valor do contrato é de R$ 340 milhões. Os investimentos iniciais são de R$ 150 milhões e os impostos recolhidos são de R$ 100 milhões.

Após a confirmação do vencedor, o governador Romeu Zema (Novo) destacou que novas concessões serão feitas no Estado para que novos investimentos ocorram, garantindo mais empregos e também o desenvolvimento em vários setores de Minas Gerais.

“Este é o primeiro de muitos. Precisamos equilibrar as contas e arrumar a casa. As privatizações são fundamentais. Primeiro, porque a iniciativa privada tem muito mais agilidade e condições de gerir a maioria dos negócios frente ao setor público, que não tem as amarras que as estatais têm. Além disso, com o Estado quebrado, não temos condições de fazer investimentos necessários nesses negócios. Espero voltar aqui muitas vezes, inclusive, com os grandes ativos do Estado, como Codemig, Cemig, Copasa”, disse Zema logo após o encerramento do leilão.

A vencedora da concessão, representada pela CEO da BH Airport, Cristiane Gomes, ressaltou a importância de continuar a parceria entre a CPC, do grupo CCR, e o Governo de Minas Gerais. “Estamos felizes que mais um aeroporto em Minas Gerais estará sob nossa responsabilidade. Em todo o país estamos em 15 aeroportos, agora, com essa vitória, 16”, comemora.

Ao comentar você concorda com os Termos de Uso. Os comentários não representam a opinião do portal Diário do Comércio. A responsabilidade sob qualquer informação divulgada é do autor da mensagem.

COMPARTILHE

NEWSLETTER

Fique por dentro de tudo que acontece no cenário economico do Estado

OUTROS CONTEÚDOS

PRODUZIDO EM

MINAS GERAIS

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram

Comunicar erro

Identificou algo e gostaria de compartilhar com a nossa equipe?
Utilize o formulário abaixo!